Tesourada – Cabine Cultural
Cinema Notícias

Tesourada

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Tesourada

Daniel Lisboa, cineasta baiano, diretor de curtas como O Fim do Homem Cordial, um dos mais interessantes trabalhos já vistos no cenário baiano nos últimos anos, O Sarcófago, ótimo trabalho documental, dentre outros filmes, parte agora para o seu talvez mais desafiador projeto: trabalhar com financiamento colaborativo. Mas o que isto quer dizer afinal? Bem, se tudo sair como o desejado (e esperado!), o valor necessário para produzir seu próximo trabalho, Tesourada, sairá dos bolsos de cada um dos fãs, entusiastas, mecenas e/ou qualquer outro tipo de pessoa que se predisponha a ajudar financeiramente o projeto.

SOBRE O CURTA-METRAGEM
Um homem decide assentar seu salão em frente a Bahia de Todos os Santos, ao lado do quartel da Marinha. Em baixo de uma árvore, posiciona seu banquinho e começa a atender gratuitamente pescadores, ambulantes, transeuntes que por ali circulam. A força desse estranho ser modifica o ambiente. Uma espécie de transe e bem aventurança toma conta de todos que passam por sua mãos. Ele se diverte diante da brisa marítima. Mas o poder de suas tesouradas acabam incomodando as mentes vazias da redondeza. Principalmente a do Sargento Alcides que decide entender o que está acontecendo ali.

MENSAGEM DEIXADA PELO PRÓPRIO DANIEL LISBOA
Caros Amigos(as)
Me lanço agora em um desafio: produzir meu próximo filme. Na verdade, o buraco é mais em cima, quero produzir um filme através de formas alternativas de captação. Isso não quer dizer que vou produzi-lo sem orçamento, nem que estou lançando uma campanha anti-editais. Pelo contrario, faço isso buscando dinamizar o processo. Tenho uma ideia e acredito que está pronta para nascer. Tenho vontade, necessidade de realizá-la agora, já, para ela ser o que deve ser. Sem longas esperas, sem prazos, sem concursos, distorções, sem burocracia! Quero acreditar que existem outras formas de captação, outros modelos de produção, colaborativos, em rede, onde todos somos agentes. Vocês sabem como é isso…Quero fazer um filme! E anuncio isso com a experiência de 10 anos de fazer cinematográfico, vivendo disso, crendo nisso, apostando nessa arte. Perdi o medo, me queimei, toquei fogo e agora quero me afundar nessa criação. Por isso peço nessa mensagem o apoio de todos vocês. O filme – TESOURADA – quer acontecer em 2012 e quer ser o que deve ser: Um filme para encantar, amedrontar, contestar, fascinar e comunicar. Acredito nesse filme, por isso falo direto, sem receio, para que vocês acreditem também. E pergunto: Por que não acreditar? Por que não se envolver? O filme já possui dois prêmios de incentivo: 6 mil em equipamentos pela QUANTA e 4 mil para finalização na LINK DIGITAL. Pelos meus cálculos, precisamos de mais R$ 10 mil para sua produção. As filmagem acontecerão no verão de 2012. Sendo assim, temos 3 meses para conseguir o que precisamos. É isso, um desafio, uma crença, onde eu, minha equipe e vocês estamos juntos, 10 mil em 3 meses para o nascimento de um filme! Se você gosta de cinema, invista nele!

SOBRE DANIEL LISBOA
Daniel Lisboa é formado em Cinema e Vídeo pela Faculdade de Tecnologia e Ciências da Bahia (FTC). Em 2002 fundou a Cavalo do Cão Filmes junto com seu irmão Diego Lisboa. Lá realizou os curtas O Fim do Homem Cordial (vencedor do 15º Videobrasil), Frequência Hanói (vencedor do Festival de Cinema de Cuiabá), O Sarcófago (Melhor Filme no 12º Festival Internacional de Curtas de BH e no Cinesquemanovo 2011), dentre outros. Atualmente, trabalha no roteiro de seu primeiro longa-metragem, TROPYKAOS.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta