Panorama Coisa de Cinema em Rio de Contas – Cabine Cultural
Agenda

Panorama Coisa de Cinema em Rio de Contas

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Dia Estrelado, de Nara Normande

Uma mostra de curtas-metragens selecionados para o VIII Panorama Internacional Coisa de Cinema será apresentada gratuitamente nos dias 29 e 30 de março ao público de Rio de Contas. As sessões acontecerão no Espaço Imaginário (Rua Barão do Rio Branco, 220), sempre às 20h e incluem filmes contemplados na premiação do festival (novembro de 2012), como Dizem que os Cães Veem Coisas, de Guto Parente, e O cadeado, de Leon Sampaio.

Os moradores de Rio de Contas e região também poderão conferir os multipremiados A mão que afaga, de Gabriela Amaral Almeida (sete troféus no Festival de Brasília), e Menino do Cinco, Marcelo Matos de Oliveira e Wallace Nogueira (cinco Kikitos no Festival de Gramado). A programação se completa com Pra eu dormir tranquilo, de Juliana Rojas, e a animação pernambucana Dia Estrelado, de Nara Normande.

A mão que afaga, de Gabriela Amaral Almeida

Rio de Contas será a última cidade da mostra itinerante do VIII Panorama Internacional Coisa de Cinema, que passou anteriormente por Santo Amaro e Remanso. Esta edição foi marcada também pela primeira realização simultânea em Salvador e Cachoeira, formato que será mantido em 2013.

Panorama
O Panorama Internacional Coisa de Cinema é o único festival cinematográfico baiano com patrocínio da Petrobras em 2013, sendo um dos vinte selecionados entre 109 concorrentes. A nona edição vai reunir filmes de diferentes partes do mundo em mostras competitivas e paralelas, além de homenagens. Mantendo a tradição, o próximo Panorama vai promover encontros entre os diretores, atores, produtores e o público, possibilitando discussões e trocas de impressões.

Menino do Cinco, Marcelo Matos de Oliveira e Wallace Nogueira

VIII Panorama

O VIII Panorama Internacional Coisa de Cinema aconteceu entre os dias 25 de outubro e 1º de novembro e apresentou uma grande novidade: além de Salvador, os mais de 40 longas e cerca de 20 curtas-metragens foram exibidos também na cidade de Cachoeira, novo e promissor pólo de produção cinematográfica da Bahia. E nesta edição, o festival homenageou a Pornochanchada, sendo exibida uma mostra especial de filmes deste gênero cinematográfico, que movimentou a produção brasileira na década de 70.

Confira nossa cobertura AQUI.

 


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta