Eros Impuro no Sesc Boulevard – Cabine Cultural
Agenda

Eros Impuro no Sesc Boulevard

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Eros Impuro

Nascido em Brasília, o projeto Eros Impuro dialoga com um tema que se põe urgente à sociedade brasileira: o abuso sexual contra crianças e adolescentes. Uma das ganhadoras do Prêmio Myriam Muniz 2012, a montagem segue a itinerância nacional em Belém, com sessões de 23 a 26 de julho (terça a sexta), sempre às 20h30min, no Centro Cultural SESC Boulevard. Com entrada franca, a retirada dos ingressos acontece com uma hora de antecedência. A classificação indicativa é de 18 anos.

Além da peça, a Caravana Eros Impuro trará gratuitamente a oficina O Exercício da Crítica Teatral, no período de 24 a 26 de julho, sempre das 15h às 18h e, o painel de debate A Arte diz Não ao Abuso Sexual a Crianças e Adolescentes, aberto ao público, será realizado na sexta (26), logo após o espetáculo.

Eros Impuro

No centro do palco, o ator Jones de Abreu dará vida ao pintor Andrei, fortemente maculado na infância por um homem feito que exibiu os “seus desejos”, provocando uma pulsão que se torna incontrolável obsessão para o personagem. Artista plástico de formação, Jones de Abreu, com 26 anos de atividade no teatro, executa o esboço da obra ao vivo enquanto dá vida aos personagens que pulam do imaginário de Andrei, sob a direção e dramaturgia de Sérgio Maggio (autor do espetáculo Cabaré das Donzelas Inocentes e do premiado livro Conversas de Cafetinas/Prêmio Jabuti 2010). “É um desafio narrar, com delicadeza e contundência, uma história ao mesmo tempo urgente e difícil como esta. Cada sessão tem sido um aprendizado”, revela Jones.  .

A NARRATIVA
Por meio da dimensão sensível da arte, o pintor Andrei busca encontrar a redenção e livrar-se da nódoa que o persegue desde menino. No entanto, sua obra é taxada de pornográfica, suja. Julgado e marginalizado por uma sociedade conservadora que tem dificuldade de lidar com o erótico, ele segue sem acesso a galerias e acuado em seu processo obsessivo. Lentamente, enlouquece sob testemunho do público, que se torna voyeur não só desse progressivo estado de paranoia quanto de criação, já que o personagem realiza a sua obra em tempo real, no aqui e agora do teatro, enquanto decorre a narrativa memorial, na qual lembranças, esquecimentos, fantasias e delírios explodem mesclados ao cheiro de tinta e aos movimentos compulsivos de criação.

Eros Impuro

SERVIÇO
Eros Impuro no Sesc Boulevard

23 a 26 de julho de 2013.
20h30min. (ingressos distribuídos uma hora antes do início do espetáculo)
Centro Cultural SESC Boulevard (Boulevard Castilho França, 522/523 – em frente à Estação das Docas).
Entrada franca

 


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta