menu
Longa de Júlio Bressane é o principal vencedor do IX Panorama | Cabine Cultural
Notícias

Longa de Júlio Bressane é o principal vencedor do IX Panorama

Educação Sentimental – Divulgação

O mais recente filme de Júlio Bressane, Educação Sentimental, é o vencedor da categoria longa-metragem nacional do IX Panorama Internacional Coisa de Cinema. Eleita pelos críticos como a joia do último Festival de Locarno, a produção é inspirada na lenda da lua apaixonada da mitologia grega, só que no filme é a professora Áurea que cai de amores por um rapaz bem mais jovem, iniciando uma relação marcada por perdas. Entre os curtas brasileiros, o premiado pelo júri oficial foi a produção baiana Jessy, de Paula Lice, Rodrigo Luna e Ronei Jorge, que recebe o prêmio de aquisição do Irdeb.

Na competição baiana foram premiados o curta-metragem 28, de Luciana Rodrigues e o longa Rabeca, de Caetano Dias, ganhando R$ 3.000,00 e R$ 6.000,00 mais finalização em DCP, respectivamente. Entre os vários prêmios de júris paralelos destacam-se os concedidos pelos festivais IndieLisboa (Portugal) e Ficunam (México), que escolheram filmes exibidos no Panorama para suas próximas edições. O selecionado para sessão em Lisboa foi o baiano Pinta, de Jorge Alencar, enquanto a produção que irá para a Cidade do México é “Educação Sentimental”.

Jessy – Crédito Agnes Cajaiba

Veja lista de vencedores 

– Júri ABCV Competitiva Baiana
Menção Honrosa

28, de Luciana Rodrigues

Melhor Curta-metragem
Braseiro, de Thiago Gomes

Melhor Longa-metragem
abeca, de Caetano Dias

– Júri Oficial Competitiva Baiana
Melhor Curta-metragem
(R$ 3.000,00)
28
, de Luciana Rodrigues

Melhor Longa-metragem (R$ 6.000,00 + Finalização em DCP)
Rabeca
, de Caetano Dias

 – Júri Competitiva Internacional de Curtas
O peso dos homens, de Gabriel Gauchet

-Júri Jovem
Melhor Curta-metragem

Em trânsito, de Marcelo Pedroso

Melhor Longa-metragem
Avanti Popolo, de Michael Wahrmann

 – Prêmio de Aquisição Porta Curtas (R$ 1.000,00)
Em trânsito, de Marcelo Pedroso

Jorge Alencar em Pinta – Creditos Matheus Rocha

 – Prêmio IndieLisboa
Pinta, de Jorge Alencar

– Prêmio Ficunam
Educação Sentimental, de Júlio Bressane

– Júri Oficial Competitiva Nacional
Menção Honrosa – Curta

Em trânsito, de Marcelo Pedroso

Prêmio de Direção – Curta
Pouco mais de um mês, de André novais

Melhor Curta-metragem (R$ 10.000,00 – Prêmio de Aquisição Irdeb)
Jessy, de Paula Lice, Rodrigo Luna e Ronei Jorge

Menção Especial do Júri – Longa
Exilados do Vulcão, de Paula Gaitán

 Prêmio Especial do Júri – Longa (Prêmio CiaRio – R$ 12.000,00 em locação de equipamentos)
Avanti Popolo, de Michael Wahrmann

 Melhor Longa-metragem (R$ 10.000,00 em dinheiro e R$ 6.000,00 em locação de equipamentos da CiaRio)
Educação Sentimental, de Júlio Bressane



Deixe uma resposta