Mostra de documentários África Hoje em Salvador
Agenda

Mostra de documentários África Hoje em Salvador

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Mostra de documentários África Hoje

A segunda edição da mostra de documentários África Hoje chega a Salvador entre os dias 26 de novembro e 1° de dezembro, na Caixa Cultural, na Avenida Carlos Gomes. A mostra é gratuita e traz um belo panorama da produção africana contemporânea de documentários.

Serão exibidos 18 filmes entre longas e médias metragens, produzidos por cineastas de diversos países como Senegal, Tunísia, Moçambique, Portugal, Egito, Inglaterra e EUA. A abertura fica por conta do filme Rouge Parole (Tunísia/2011), que traz relatos sobre a revolução da Tunísia, considerado um dos 12 melhores documentários de 2012 pelo Museu de Arte Moderna de Nova Iorque (MOMA).

Olha a programação completa

Dia 26/11 – terça-feira
17h – A Casa da Mãe, África do Sul, 2007, 76′
18h30 – Rouge Parole, Tunísia, 2011, 94′
20h – Abertura / Debate
Convidados: Mahomed Bamba e Marco Abujamra

Dia 27/11 – quarta-feira
17h – De Corpo e Alma, Moçambique, 2007, 53′
18h – Na Espera dos Homens, Senegal, Bélgica, 2007, 56′
19h – Tarrafal: Memórias do Campo da Morte Lenta, Portugal, 2011, 91′

Dia 28/11 – quinta-feira
17h – Saudades a Dakar, Senegal, 2005, 52′
18h – A Ópera de Mascarenhas (An Opera from the Indian Ocean), França, Madagascar, Bélgica, 2012, 96′
19h30 – Perguntas a Terra Natal, Senegal, 2007, 52′

Dia 29/11 – sexta-feira
17h – As Duas Faces da Guerra, Guiné Bissau, Cabo Verde, Portugal, 2007, 100′
19h – Onde a água encontra o céu (Where the water meets the Sky), Reino Unido, 2008, 60′
20h – A Virgem, os cristãos e eu (La Vierge, les coptes et moi), Egito, 2011, 85′

Dia 30/11 – sábado
15h – Fahrenheit 2010, África do Sul, 2009, 52′
16h – Lobolo, O Preço da Noiva, Moçambique, 2010, 35′
16h30 – Rough Aunties, Reino Unido, 2008 104′
18h30 – Debate
Convidados: Ney Marinho e Fernanda Marinho

Dia 01/12 – domingo
15h – Outra História da França, França, 2006, 93’
16h30 – Ceuta, Prisão pelo mar (Ceuta, Prison my the Sea), França, 2012, 96’
18h – Benda Bilili, República Democrática do Congo, 2010, 85
19h30 – O dia que eu nunca esquecerei (The Day i Will never forget), Reino Unido, 2002, 92’


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta