Arte circense e drama são marcas do espetáculo O Destino das Flores
Agenda

Arte circense e drama são marcas do espetáculo O Destino das Flores

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Destino das Flores – Foto Fernanda Tomaz

O espetáculo O Destino das Flores estreou em 2012 durante a programação do segundo maior festival de circo da França, o 13º Festival du Cirque Janvier Dans les Étoiles, e desde então vem  mostrando outras possibilidades do circo que ainda tem sua imagem fortemente ligada ao universo infantil. A peça agora entra em temporada no Teatro Carlos Gomes, no Rio de Janeiro, ficando do dia 07 até o dia 23 de fevereiro.

História
O espetáculo, idealizado pelo grupo carioca Circondríacos e dirigido por Raquel Rache, co-diretora artística do grupo francês CREAC – ARCHAOS, conta a história de um escritor que, atormentado pelo trabalho e suas ideias, tranca-se em seu escritório e se isola do mundo. Imerso em suas obras e ao processo criativo, ele começa a confundir realidade com imaginação dando vida aos personagens de seu subconsciente.

Montagem
A montagem, produzida em parceria com a Escola Nacional de Circo do Rio de Janeiro e o grupo francês CREAC – ARCHAOS, leva ao palco a arte circense a serviço da dramaturgia através de três atores que exploram o corpo como linguagem, fazendo uso de acrobacias, trapézios e contorcionismos no desenrolar da trama, e revelando ao público um circo contemporâneo voltado para as questões adultas.

O Destino das Flores – Foto Fernanda Tomaz

O drama deste escritor leva à tona conflitos ligados à sexualidade, amor, relações de poder, preconceito e princípios éticos.

SERVIÇO
Teatro Municipal Carlos Gomes
07/2 a 23/02
Sexta e sábado às 20h. Domingo às 19h,
R$40 (inteira) R$20 (meia)
16 anos
Endereço: Praça Tiradentes s/n – Rio de Janeiro/RJ


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta