Zeca Baleiro homenageia Zé Ramalho em super show na capital baiana
Agenda Música

Zeca Baleiro homenageia Zé Ramalho em super show na capital baiana

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Zeca Baleiro – Gal Oppido / Divulgação

O projeto Banco do Brasil Covers, uma das mais interessantes ideias musicais surgidas nos últimos anos, e que foi criado para mostrar grandes nomes da música brasileira interpretando o repertório de seus compositores prediletos, entra novamente em cena com três ótimos shows inéditos, na capital baiana, idealizados e dirigidos pela cineasta Monique Gardenberg. Já falamos aqui do primeiro desses shows, que irá reunir Dado Villa-Lobos, João Barone, Leoni, Toni Platão e Liminha numa homenagem magnífica aos Beatles.

No segundo show, no dia 24 de maio (sábado), um dos nomes mais respeitados e consagrados da música brasileira cantará e, sobretudo homenageará outro ícone nacional. O show Zeca Baleiro toca Zé Ramalho tem tudo para ser um dos grandes momentos da cena cultural de Salvador em 2014.

Nordeste
Zé Ramalho e Zeca Baleiro possuem similaridades e peculiaridades, a começar pelo fato de serem do Nordeste, elemento que certamente os une. Porém, o Nordeste é tão plural culturalmente – e musicalmente – que ambos habitam distintos universos musicais – o que valoriza e ressalta o ineditismo do show em que Baleiro vai dar voz a músicas de Ramalho.

Zeca Baleiro – Divulgação

Setlist
Ave de prata (Zé Ramalho, 1979), é a canção que dá início à apresentação com Baleiro envolto em atmosfera meio dark. Quase teatral, o climático começo introduz o cantor maranhense no mundo de seu antecessor Zé Ramalho, de quem se tornou parceiro em O rei do rock – música lançada por Ramalho no álbum Parceria dos viajantes, de 2007, e revivida por Baleiro neste tributo – e em Repente cruel (tema ainda inédito em disco).

Turbinado com projeção de vídeo filmado por Baleiro sob a direção de Monique GardenbergGaroto de aluguel (Taxi boy) (Zé Ramalho, 1979) – música inspirada na fase pré-fama em que Ramalho se prostituiu no Rio de Janeiro (RJ) – exemplificou o bom domínio que Ramalho, artista formado nos bailes da vida, sempre teve do idioma pop. Na sequência Vila do sossego (Zé Ramalho, 1978), Táxi lunar (Zé Ramalho, Alceu Valença e Geraldo Azevedo, 1979) e Avohai (Zé Ramalho, 1978) dão o tom do espetáculo.

Zeca Baleiro
Zeca lançou seu primeiro disco, Por Onde Andará Stephen Fry?, em 1997. Desde então, o cantor e compositor maranhense lançou outros oito discos de inéditas, alguns projetos especiais, seis DVDs e um Blu-ray. Seu mais recente trabalho é o álbum O Disco do Ano, lançado em abril de 2012. Em janeiro de 2014, Baleiro lançou seu sétimo DVD – Calma Aí, Coração -, com o repertório desse disco.

SERVIÇO
Zeca Baleiro apresenta: Zé Ramalho cover Especial

24 de maio de 2014 (sábado)
Teatro Castro Alves
21 horas
R$ 140/R$ 70 (filas A a P); R$ 100/R$ 50 (filas Q a Z); R$ 80/R$ 40 (filas Z1 a Z6) e R$ 60/R$ 30 (filas Z7 a Z11)


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta