Grátis: filme sobre Dominguinhos tem exibição especial no MIS
Agenda

Grátis: filme sobre Dominguinhos tem exibição especial no MIS

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Dominguinhos – Divulgação

O esperado documentário Dominguinhos, de Mariana Aydar, Eduardo Nazarian, e Joaquim Castro, terá uma exibição mais que especial no próximo dia 30 de abril, no MIS (Museu da Imagem e do Som) em São Paulo. O documentário estreou mundialmente no Festival de Tolouse (França) e no Brasil integrou a o 19º Festival É Tudo Verdade (São Paulo) na Mostra Competitiva Internacional de Documentários.

O documentário foi idealizado por Mariana Aydar, Eduardo Nazarian, que também assinam a direção junto com Joaquim Castro, e Duani, produzido pela bigBonsai e coproduzido pela TV Cultura, com apoio e patrocínio da Natura Musical. O filme, que tem narração em primeira pessoa de Dominguinhos, apresenta uma série de imagens de arquivo, trechos de alguns de seus shows e encontros com outros músicos brasileiros, como Luiz Gonzaga, Elba Ramalho, Nara Leão, Gilberto Gil, Gal Costa, um dueto com Nana Caymmi e outro com Hermeto Pascoal.

Além do longa-metragem, o projeto também gerou uma web-série de oito episódios que foi ao ar entre fevereiro e abril desse ano. Diferente do documentário, a web-série mostrou os encontros de Dominguinhos com outros músicos brasileiros. O filme, que está previsto para entrar em cartaz nos cinemas nacionais a partir de 8 de maio, conta a história de um dos músicos mais talentosos da história recente do país.

História
O documentário viaja ao sertão para acompanhar a figura do Dominguinhos artista popular, sua trajetória até o sucesso e as diversas facetas do músico, algumas desconhecidas do grande público, como o Dominguinhos vô, jazzista, motorista. A equipe do projeto acompanhou o músico por três anos, flagrando diversos momentos dele, entre composições, encontros e histórias contadas tanto por ele quanto por outros músicos presentes no documentário, num trabalho feito com bastante cuidado.

Dominguinhos – Divulgação

Pesquisa
A estrutura do filme foi desenvolvida em cima de uma vasta pesquisa, em acervos nacionais e do mundo afora, de imagens, músicas, registros do músico ou relacionados a ele. A narrativa do documentário intercala imagens de arquivos, fonogramas raros a depoimentos exclusivos e aos encontros musicais. Tudo sendo conduzido pela narração do próprio Dominguinhos, que fala da infância, do pandeiro (seu primeiro instrumento), dos onze dias de viagem entre Guaranhuns e o Rio de Janeiro em 1954, de seu primeiro casamento, de sua parceria de vida e de música com Anastácia, sua segunda mulher, sua mescla de ritmos, de influências.

Imperdível!

SERVIÇO
Dominguinhos

30 de abril
19h30
Auditório MIS (172 lugares)
Gratuito (sujeito à lotação da sala – retirada de ingressos com uma hora de antecedência na Recepção MIS)


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta