Especial: novo X-Men estreia no Brasil prometendo quebrar recordes
Cinema Notícias

Especial: novo X-Men estreia no Brasil prometendo quebrar recordes

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

X-Men: Dias de um Futuro Esquecido – Divulgação

X-Men: Dias de um Futuro Esquecido estreia na próxima quinta-feira

Desde o momento em que a produção do mais novo filme da saga X-Men, que veio com o título de X-Men: Dias de um Futuro Esquecido, divulgou a premissa da nova história, que a curiosidade e a expectativa tomaram conta de todos os fãs, sejam fãs dos heróis, sejam fãs de cinema, sejam somente fãs de uma boa diversão. A história desta vez traz o poderoso elenco da série lutando pela sobrevivência da espécie em uma guerra que acontece em dois períodos distintos da história, trabalhando aquele tema que muitas histórias simplesmente não conseguem abordar: a temida viagem no tempo.

Agora, no novo filme, pela primeira vez, os personagens da trilogia original da série unem forças com eles mesmos em suas versões mais jovens, apresentados no ótimo X-Men: Primeira Classe, com a missão de alterar um importante acontecimento histórico e lutar uma batalha de proporções épicas que pode salvar o nosso futuro. Soa imperdível, não?

Bryan Singer
Um dos grandes nomes por trás da franquia X-Men é, sem dúvida alguma, o de Bryan Singer. Em X-Men: Dias de um Futuro Esquecido, o cineasta volta a dirigir a saga que tanto conhece e explora ainda mais sua visão do universo dos mutantes. O diretor volta também a trabalhar com o espetacular elenco dos filmes originais dos X-Men, além do jovem elenco de Primeira Classe, filme que escreveu a história e foi produtor. Da trilogia original teremos Hugh Jackman, Patrick Stewart, Ian McKellen, e Halle Berry. Já de Primeira Classe, traz Jennifer Lawrence, James McAvoy, Michael Fassbender e Nicholas Hoult. Um dos elencos mais estelares do ano, certamente.

Roteiro
O roteiro foi inspirado na história em quadrinhos original Dias de um Futuro Esquecido, escrita por Chris Claremont, que faz uma participação especial (sem crédito) no filme.

Acho que faz muito sentido que o passado seja no início da década de 1970, quando o mundo estava passando por muitas mudanças e conflitos”, diz a lenda dos quadrinhos. “Sem dúvida, encaixou-se muito bem na ordem cronológica depois de Primeira Classe, que acontece na década de 1960.”

X-Men: Dias de um Futuro Esquecido – Divulgação

Poder viajar no tempo é um componente fundamental dos quadrinhos e do novo filme, mas Bryan Singer acha que seu filme lida com esse componente de forma não convencional.

A diferença é que não estamos enviando ninguém para o passado, não fisicamente”, explica. “Em vez disso, estamos enviando a consciência do personagem para dentro de si mesmo mais jovem. Durante o tempo em que o Logan está no passado, o passado e o futuro podem coexistir. Assim, coisas podem acontecer nas duas épocas ao mesmo tempo”.

É esperar para ver se o novo filme da série conseguiu abordar o tema de modo satisfatório.

Passado e Futuro
Nesta perspectiva de trabalhar com dois tempos diferentes, Hugh Jackman acaba sendo o ponto de ligação entre os dias do futuro e do passado. Graças aos seus poderes de mutante, o Wolverine é o único membro dos X-Men qualificado para a missão. Bryan Singer explica:

Ir tão longe no passado despedaçaria a mente de qualquer outra pessoa. Só existe uma pessoa que tem o poder de regeneração e pode sobreviver a experiência, e essa pessoa é o Wolverine. Como o Wolverine não envelhece, o Hugh (Jackman) pôde interpretar suas duas versões: a do presente e de quando sua mente viaja para a época em que era mais jovem. Então foi uma excelente oportunidade para mim e para o Hugh.”

X-Men: Dias de um Futuro Esquecido – Divulgação

Produção
Certamente os fãs da série podem esperar por uma das maiores produções já feitas nos últimos anos no cinema mundial. Tudo parece ser grandioso demais, mesmo para os padrões hollywoodianos. Os cenários serão destaque à parte. Um dos maiores cenários que foram construídos para o filme foi o do Mosteiro, no futuro, um antigo templo monolítico construído na rocha de uma montanha. Bryan Singer observa que o espaço interno do mosteiro, onde se fica o Wolverine enquanto sua consciência viaja no tempo, foi copiado de uma capela que ele conhecia por fotografias.

Mas o Mosteiro está longe de ser o único cenário que teve uma grande produção por trás. Entre outros grandes cenários, estão os famosos Cérebro e Corredor Azul (construídos no Estúdio Alstom, em Montreal, de 2.800 m2). Para fazer esses cenários foi necessário tirar – literalmente – a poeira das velhas plantas e fazer uma réplica dos originais do primeiro filme X-Men. Hugh Jackman observa:

Para mim, e para Halle Berry e Patrick Stewart, andar por aqueles corredores foi uma experiência muito familiar. Foi como voltar quatorze anos no tempo.”

Sentinelas
Em2000, quando o primeiro filme da série foi lançado, a tecnologia que seria necessária na realização das coisas que os cineastas haviam imaginado nem sequer existia. Quatorze anos depois, muita coisa mudou. Por exemplo, os Sentinelas, robôs de cinco metros e meio de altura destruidores de mutantes, adorados por fãs dos X-Men, não teriam o tratamento que merecem com velhas tecnologias de efeitos visuais. Muitos filmes com robôs foram feitos na última década, mas o que Bryan Singer queria fazer não era possível antes. Porém, em Dias de um Futuro Esquecido, ele introduz duas versões dos Sentinelas: a do passado e a do futuro.

Os Sentinelas são robôs que matam mutantes, e o programa responsável pela construção deles começou no início da década de 1970”, explica o diretor.

Enquanto John Myhre projetava os Sentinelas do futuro, o supervisor de efeitos especiais Cameron Waldbauer e sua equipe foram encarregados do Sentinela que aparece em 1973, construído pela Legacy Effects, de Los Angeles. O Sentinela dos anos 70 levou oito semanas para ser construído, e todas as suas peças são móveis e ajustáveis. Embora existam muitos sentinelas no passado e no futuro, só um modelo da década de 70 foi construído, por motivos práticos, além de custo.

Enfim, um elenco tão grandioso que nem dá para mencionar todos, um orçamento gigantesco, que promete produzir alguns dos efeitos mais fantásticos da história do cinema, uma história épica e já amada pelos milhões de fãs dos quadrinhos mundo afora… os motivos que fazem alguém levantar da cadeira e se programar para ver a estreia do novo X-Men são inúmeros. Um dos filmes mais esperado do ano, que tem tudo para quebrar recordes.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta