Sinfonia da Necrópole estreia no Festival de Cinema de Paulínia

Sinfonia da Necrópole Divulgação

Sinfonia da Necrópole, novo filme da cineasta Juliana Rojas, do premiado Trabalhar Cansa

Instagram Brisa Maria The Cat

Sinfonia da Necrópole, escrito e dirigido pela cineasta Juliana Rojas é o primeiro longa-metragem solo da diretora do ótimo Trabalhar Cansa (co-dirigido por Marco Dutra) e foi selecionado para os festivais de Paulínia e Gramado. Nesse seu novo filme a diretora faz uma mistura dos gêneros musical e comédia.

A história se passa na cidade de São Paulo, onde a rotina do aprendiz de coveiro Deodato muda quando uma nova funcionária chega ao cemitério. Juntos, eles devem fazer o recadastramento dos túmulos abandonados, mas estranhos eventos fazem o aprendiz questionar as implicações em se mexer com os mortos. Novamente Juliana flerta com elementos não comuns ao cinema nacional, mostrando que nossa cinematografia vem a cada dia ampliando o leque de gêneros.

A trama então se desenvolve a partir de números musicais. As letras das canções foram escritas pela própria Juliana, algumas em parceria com Ramiro Murillo, que também assina a produção musical, coreografia e arranjos das canções e Marco Dutra, co-diretor de vários filmes realizados por Juliana e também responsável pelas composições de Sinfonia da Necrópole.

A produção tem fotografia de Flora Dias, a direção de arte de Fernando Zuccolotto e o desenho de som de Daniel Turini e Fernando Henna (premiados no Festival de Paulínia 2011 por seu trabalho no longa-metragem Trabalhar Cansa.

Hostinger

Adicionar comentário

Clique aqui e comente

Deixe uma resposta

Adquira o seu

Guia de Filmes

Assista ao trailer

O Bar Luva Dourada

Assista ao trailer

Annabelle 3 - De Volta para Casa