Amor, Plástico e Barulho tem estreia confirmada para janeiro de 2015
Cinema Notícias

Amor, Plástico e Barulho tem estreia confirmada para janeiro de 2015

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Amor, Plástico e Barulho

Longa-metragem protagonizado por Maeve Jinkings e Nash Laila estreia nos cinemas em 15 de janeiro de 2015

O cinema pernambucano vem se mostrando ao longo das últimas décadas como um dos mais pulsantes e criativos do Brasil. Cineastas como Claudio Assis e filmes como O Som ao Redor e Tatuagem dão credibilidade e cada vez mais popularidade ao ótimo cinema do Estado. E seguindo na mesma corrente, no dia 15 de janeiro de 2015 estreia nos cinemas de todo o Brasil o filme Amor, Plástico e Barulho, da cineasta, diretora de arte e artista plástica pernambucana Renata Pinheiro.

Este é primeiro longa-metragem de Pinheiro, e tem como grande protagonista a atriz Maeve Jinkings (destaque dos filmes O Som ao Redor, Era Uma Vez Verônica e Falsa Loura), além de Nash Laila (de Tatuagem e Deserto Feliz). As duas tiveram atuações fortemente elogiadas por crítica e público nos festivais e mostras dos quais a produção tem participado.

O filme venceu nas categorias de Melhor Atriz (Maeve Jinkings), Melhor Atriz Coadjuvante (Nash Laila) e Melhor Direção de Arte na 46ª edição do Festival de Brasília em 2013. No mesmo ano, também foi premiado como Melhor Filme/Prêmio Abraccine e Melhor Atriz (Jinkings) no Festival de Aruanda-PB, e Melhor Montagem e Menção Honrosa (Jinkings) no Janela Internacional de Cinema do Recife.

Já em 2014, foi consagrado Melhor Filme na Mostra Filmes Livre, recebendo ainda os prêmios de Melhor Atriz (Nash Laila) e Melhor Fotografia no 7º Festival de Cinema de Triunfo-PE.

História
Shelly (Nash Laila), uma jovem dançarina que sonha se tornar cantora, e Jaqueline (Maeve Jinkings), uma experiente cantora que já emplacou alguns sucessos e amarga o declínio da sua carreira, são companheiras em uma banda de música brega, num cenário que mescla o romantismo e a sensualidade da periferia brasileira. Inseridas no universo do show business, entre nightclubs e programas de TV local, descobrem que tudo é descartável, como  o sucesso, o amor e as demais relações humanas. Juntas, parecem formar uma única trajetória de vida, onde Shelly representa o passado de Jaqueline, enquanto esta figura como o provável futuro da colega.

Confira o trailer


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta