Telinha em Pauta: com audiência baixa, Babilônia será encurtada em três semanas
Televisão

Telinha em Pauta: com audiência baixa, Babilônia será encurtada em três semanas

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

* Coluna da jornalista Camila Botto sobre tudo que acontece no mundo televisivo
Babilônia em baixa
Enquanto I Love Paraisópolis deslancha no Ibope, Babilônia segue com gosto amargo na boca. A novela de Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga será encurtada em três semanas.

Inicialmente pensada para ter 161 capítulos, a trama acabará no 143º episódio, em 28 de agosto. Antes, iria até 18 de setembro. Ao lado de Em Família (2014), será a quarta novela das 21h mais breve dos 50 anos da Globo. O motivo da decisão, tomada na última sexta-feira, tem a pior audiência das 21h da história da emissora (tem marcado apenas 25 pontos de média).

Com isso, as gravações de A Regra do Jogo, do badalado João Emanuel Carneiro, foram aceleradas. Com a estreia marcada para 31 de agosto, a trama começa a ser gravada nas próximas semanas.

Teresa ( Fernanda Montenegro ) e Estela ( Nathalia Timberg )

Vale lembrar que nas últimas semanas, Babilônia sofreu várias mudanças para tentar reverter a baixa audiência. A história que mais mudou foi a de Alice (Sophie Charlotte), que viveria uma garota de programa. A moça se tornou uma mocinha clássica para ser uma alternativa a Regina (Camila Pitanga), não bem aceita pelo público. Outra mudança significativa foi a aceleração da trama envolvendo entre Inês (Adriana Esteves) e Beatriz (Glória Pires).

Ordens morais também afetaram a novela. Antes ninfomaníaca, Beatriz agora se relaciona apenas com Diogo (Thiago Martins). O casal Estela (Nathalia Timberg) e Teresa (Fernanda Montenegro) também não trocam mais carinhos e Carlos Alberto (Marcos Pasquim) não será mais homossexual.

* Camila Botto é repórter do Correio, editora do site Feminino e Além, autora do livro Segredos Confessáveis e colunista do Cabine Cultural


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta