Download gratuito de livro sobre Charlie Hebdo é disponibilizado pela Cia. das Letras | Cabine Cultural
Literatura

Download gratuito de livro sobre Charlie Hebdo é disponibilizado pela Cia. das Letras

A Mão Livre

A Mão Livre

A mão livre – Humor depois de Charlie Hebdo está disponível para download gratuito no formato PDF, diretamente no site oficial da editora

Um dos acontecimentos mais marcantes destes últimos anos, o ataque terrorista sofrido pelo periódico satírico francês Charlie Hebdo, no início deste ano, já tem sido objeto de muitas análises, homenagens e estudos.

Para ajudar no tema, a Cia. das Letras disponibilizou o livro A mão livre – Humor depois de Charlie Hebdo para download gratuito no formato PDF, diretamente em seu site oficial. A edição, uma publicação do selo Quadrinhos na Cia., traz histórias, charges e ilustrações de 42 autores abordando os atentados sofridos pelo periódico satírico Charlie Hebdo, no início deste ano.

Ataque
No dia 7 de janeiro, terroristas armados invadiram a redação do jornal Charlie Hebdo, em Paris, e assassinaram doze pessoas, entre elas os cartunistas Tignous, Cabu, Honoré, Charb e Wolinski. O massacre foi uma resposta às provocações religiosas publicadas no Charlie, um jornal satírico e corrosivo que fez sua história com um humor sem concessões.
Nos dias seguintes, dezenas de artistas brasileiros e do mundo inteiro se manifestaram na imprensa e nas redes sociais. O que se viu foi uma pluralidade de vozes e pontos de vista. Houve homenagens e indignação, mas também debates acalorados sobre humor e religião, intolerância e xenofobia.

Livro
A mão livre
nasceu de uma tentativa de dar conta dessa diversidade de opiniões. Mais do que uma homenagem ao Charlie, a proposta foi que os autores discutissem os limites da liberdade de expressão. Eles puderam escolher entre uma ou duas páginas e ficaram livres para mandar histórias, charges ou ilustrações. O resultado é um rico panorama do quadrinho brasileiro e do caleidoscópio de opiniões, certezas e incertezas que o massacre do Charlie Hebdo provocou.

Ótima dica de leitura. Para baixar o livro gratuitamente, clique aqui.

Deixe uma resposta