Amor, Sexo e um Pouco de Sacanagem: fazer sexo pode produzir novos neurônios
Sexo

Amor, Sexo e um Pouco de Sacanagem: fazer sexo pode produzir novos neurônios

  •  
  •  
  •  
  •  
Atração sexual

Coluna semanal do site Feminino e Além sobre sexo e comportamento; assunto desta edição é dos mais interessantes para os amantes do sexo

Por Feminino e Além

Que a prática sexual traz muitíssimos benefícios, não é novidade. É comprovado que os hormônios liberados durante o ato ajudam a proteger o coração, contribuem para o fortalecimento do sistema imunológico, estimulam a liberação de endorfinas e corticoides – capazes de atenuar dores de cabeça e na coluna ou as provocadas por artrite, por exemplo -, além de proporcionar outros benefícios não só ao corpo, como à mente. O que há de novo, então?

Uma pesquisa realizada por neurocientistas da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, aponta que fazer sexo pode também aumentar a inteligência e a memória. Para se chegar a tal conclusão, foram feitos estudos em ratos, comprovando que o ato sexual é capaz de criar neurônios e gerar massa cerebral. De acordo com a pesquisa, isso acontece, principalmente,  no hipocampo, que é a área responsável pela memória a longo prazo.

Leia+  Amor entre mulheres é bem mais forte, mais intenso, mais denso, mais profundo

Em entrevista ao Dayli Mail, da Inglaterra, os pesquisadores explicaram ainda que, de qualquer maneira, mesmo se não tivesse ocorrido a produção de novos neurônios, o fato é que as habilidades cognitivas adquiridas durante o experimento diminuíam quando os ratos eram submetidos a longos períodos sem atividade sexual.

Continue com a prazerosa leitura




Robin Hood
A Voz do Silêncio

Sobre o autor

Redação

Redação

Matéria produzida pela equipe do site.
Copyright © 2018. Cabine Cultural: arte, cultura, entretenimento; cinema & tv

Deixe uma resposta