menu
Caio Castro concede entrevista exclusiva ao Cabine Cultural | Cabine Cultural
Entrevistas

Caio Castro concede entrevista exclusiva ao Cabine Cultural

Caio Castro na inauguração da DuoBrands em Salvador - Foto: Cabine Cultural

Caio Castro na inauguração da DuoBrands em Salvador – Foto: Paula Andrade

“Pra mim é sempre diversão, tenho muitos amigos aqui e sempre aproveito para revê-los. Enfim, adoro Salvador e é muito bom estar aqui”

O multifacetado ator Caio Castro fez uma rápida aparição na capital baiana na noite da última quinta-feira, 25/02. Ele foi a principal estrela da inauguração da DuoBrands, loja das grifes brasileiras John John e Rosa Chá que abriu as portas no 2º piso do Shopping Paralela.

O nosso repórter Pedro Del Mar esteve lá e conseguiu uma entrevista exclusiva com o ator global que foi bastante solicito e simpático, não só com a imprensa, mas também com as centenas de fãs que se aglomeraram na entrada da loja para vê-lo. Confira a entrevista na íntegra:

Caio Castro na inauguração da DuoBrands em Salvador - Foto: Cabine Cultural

Caio Castro na inauguração da DuoBrands em Salvador – Foto: Paula Andrade

– Cabine Cultural: qual a sua relação com a marca John John?

– Caio Castro: já conheço a marca há muitos anos, sempre gostei das peças que eles fazem e sempre as vesti. Além disso, sou amigo pessoal do John (apelido de João Foltran, 43, proprietário da marca) e isso facilita tudo. No mais, poder estreitar toda essa relação fazendo parte da publicidade e eventos da marca é sempre bom.

– Cabine Cultural: você já é um “veterano” em Salvador, sempre marca presença por aqui, a trabalho ou para descansar e se divertir, o que tanto te atrai na cidade?

– Caio Castro: sou suspeito para falar de Salvador, sempre venho aqui e é sempre uma alegria. Passei muito tempo aqui na gravação de um filme (Travessia, 2014) e já são 8 anos seguidos vindo para o carnaval. Mesmo quando é algum trabalho, nem encaro desta forma, pra mim é sempre diversão, tenho muitos amigos aqui e sempre aproveito para revê-los. Enfim, adoro Salvador e é muito bom estar aqui.

– Cabine Cultural: recentemente você gravou o filme “Se a vida começasse agora”do diretor Alexandre Kemperer, onde você interpreta um jovem jornalista que tem sua 1ª grande oportunidade profissional fazendo a cobertura da 1ª edição do Rock in Rio em 1985. Como foi pra você fazer o filme?

– Caio Castro: cara, foi bem legal. É um personagem jovem, como você disse, ambientado nos anos 80 e mais especificamente na 1ª edição do Rock in Rio, que é uma coisa bacana. Também foi bacana porque pude contracenar com a Luiza Valdetaro pela 1ª vez e também trabalhar com diretores que eu nunca havia trabalhado. Foi um pouco cansativo também, porque eu estava gravando uma novela (I Love Paraisópolis) ao mesmo tempo, mas no fim deu tudo certo.

­

Caio Castro na inauguração da DuoBrands em Salvador - Foto: Cabine Cultural

Caio Castro na inauguração da DuoBrands em Salvador – Foto: Paula Andrade

– Cabine Cultural: o filme estava previsto para ser lançado no 1º semestre deste ano, está confirmado?

– Caio Castro: rapaz, sabe como é, né? Cinema é complicado, às vezes nem tudo sai como o planejado. Ainda há algumas cenas pendentes e tal, então não sei se sai no 1º semestre, mas provavelmente será lançado ainda esse ano.



Deixe uma resposta