Gloria Pires liberta o inconsciente de seus pacientes em trailer de Nise - O Coração da Loucura
Cinema

Gloria Pires liberta o inconsciente de seus pacientes em trailer de Nise – O Coração da Loucura

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Logo Cultura PopColuna da jornalista Úrsula Neves sobre tudo que acontece no universo da cultura pop

Nise – O Coração da Loucura

O eletrochoque, a agressividade e o tratamento desumano são substituídos pelos pincéis, telas e liberdade. A mudança faz surgir as imagens que povoam o inconsciente. É o que mostra Gloria Pires, no papel de Nise da Silveira, no trailer que acaba de ser liberado de Nise – O Coração da Loucura, com estreia prevista para o dia 21 de abril.

Dirigido por Roberto Berliner, o longa retrata o início do trabalho da doutora com seus pacientes através da arte e do afeto. “Eu não acredito na cura pela violência. Eu não sou capaz de fazer aquilo”, afirma ela após assistir a uma sessão de eletrochoque em um dos pacientes do Hospital Psiquiátrico Pedro II em momento decisivo de sua carreira.

O filme explora a revolução realizada por Nise que ecoou pelo resto do país, abolindo tratamentos violentos e destrutivos, como a lobotomia e o eletrochoque. Nise da Silveira foi pioneira no uso da terapia ocupacional através de um ateliê de pintura e um tratamento baseado no afeto e no convívio com animais domésticos, métodos revolucionários que são referência até hoje.

Nise – O Coração da Loucura

Nise – O Coração da Loucura

O longa foi filmado durante dois meses no Instituto Nise da Silveira no Engenho de Dentro, local onde ficava o Hospital Psiquiátrico Pedro II. Lá foram revelados grandes nomes das artes plásticas, como Emydgio de Barros, Raphael Domingues, Lucio Noeman e Fernando Diniz. A descoberta do talento deles é apresentada no filme, que mostra o primeiro contato com a tinta, o pincel e o barro. A luta de Nise para ter seu trabalho reconhecido é retratada na produção, que também testemunha o surgimento do Museu da Imagem do Inconsciente. O local até hoje expõe os trabalhos de seus pacientes e possui mais de 350 mil obras em seu acervo.

Nise da Silveira se formou na Faculdade de Medicina da Bahia em 1926, onde era a única mulher em uma turma de 157 alunos. Envolvida com os círculos marxistas da época, ela acabou presa por quase dois anos durante a Era Vargas, dividindo a cela com Olga Benário. O seu retorno ao trabalho no Hospital Psiquiátrico Pedro II é o pontapé inicial de Nise – O Coração da Loucura.

Produzido pela TvZero, coproduzido pelo canal GNT e distribuído pela Imagem Filmes, Nise – O Coração da Loucura já recebeu diversos prêmios, incluindo Melhor Filme e Melhor Atriz pelo Júri Oficial do Festival de Tóquio 2015, e Melhor Filme pelo Júri Popular do Festival do Rio 2015.

Sinopse
Ao sair da prisão, a doutora Nise da Silveira volta aos trabalhos num hospital psiquiátrico no subúrbio do Rio de Janeiro e se recusa a empregar o eletrochoque e a lobotomia no tratamento dos esquizofrênicos. Isolada pelos médicos, resta a ela assumir o abandonado Setor de Terapia Ocupacional, onde dá início a uma revolução regida por amor, arte e loucura.

Assista ao trailer do filme:

Elenco
Gloria Pires – Nise da Silveira
Simone Mazzer – Adelina Gomes
Julio Adrião – Carlos Pertuis
Claudio Jaborandy – Emygdio de Barros
Fabrício Boliveira – Fernando Diniz
Roney Villela – Lucio Noeman
Flávio Bauraqui – Octávio Ignácio
Bernardo Marinho – Raphael Domingues
Augusto Madeira – Lima
Felipe Rocha – Almir
Roberta Rodrigues – Ivone
Georgiana Góes – Martha Pires
Fernando Eiras – Mário Magalhães
Charles Fricks – Mário Pedrosa
Zé Carlos Machado – Dr. Nelson
Michel Bercovitch – Dr. César
Tadeu Aguiar – Dr. Mourão
Luciana Fregolente – Eugênia
Zé Mario Farias – Enfermeiro
Pedro Kosovski – Dr. Letier
Eliane Costa – Leila
Perfeito Fortuna – Aurélio
Zezeh Barbosa – Carmem

Ficha técnica
Direção: Roberto Berliner
Produção: Rodrigo Letier
Produtores Associados: Luiz Carlos Mello, André Horta e François Wolf
Produção Executiva: Lorena Bondarovsky
Produção de Finalização: Anna Julia Werneck
Roteiro: Flávia Castro, Mauricio Lissovsky, Maria Camargo e Chris Alcazar
Roteiro Final: Patricia Andrade, Leonardo Rocha e Roberto Berliner
Consultoria de roteiro: Bernardo Horta
Colaboração: Luiz Carlos Mello, Gladys Schincariol, Lula Vanderlei, Leonardo Domingues e Gina Ferreira
Direção de Fotografia: André Horta
Montagem: Pedro Bronz, edt. e Leonardo Domingues
Direção de Arte: Daniel Flaksman
Figurino: Cris Kangussu
Maquiagem: Uirande Holanda
Produção de Elenco: Guilherme Gobbi e Dani Pereira
Trilha Sonora Original: Jaques Morelenbaum

 

 

Úrsula Neves fotoJornalista carioca, mãe do Heitor. Gestora de Comunidade & Gerente de Projetos do Digitais do Marketing. Repórter do site Cabine Cultural. Adora ler, assistir séries pelo Netflix, ir ao cinema e teatro, navegar pela internet e viajar acordada ou dormindo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta