Cartão Verde desta terça traz Vitor Bueno, do Santos, para falar da final do Paulistão | Cabine Cultural
Notícias

Cartão Verde desta terça traz Vitor Bueno, do Santos, para falar da final do Paulistão

Cartão Verde - Foto Jair Magri

Cartão Verde – Foto Jair Magri

O meia comenta a vitória na semifinal contra o Palmeiras e fala da preparação do time para a decisão contra o Audax; programa vai ao ar às 22h, na TV Cultura

Um dos programas esportivos mais tradicionais da televisão aberta no Brasil, o Cartão Verde tem exibição toda terça-feira na TV Cultura. E nesta terça, dia 26 de abril, o programa tem como convidado especial o jogador Vitor Bueno, um dos destaques da equipe do Santos, que eliminou no último domingo o Palmeiras nas semifinais do Paulistão.

O jogador vai falar da partida do último domingo contra o rival Palmeiras e da preparação para a final, que será contra a equipe sensação deste ano, o Audax, que eliminou um dos grandes favoritos ao título, o Corinthians.

O Cartão Verde começa às 22 horas.

Vitor
Vitor Bueno tem sido um dos destaques do Santos nas últimas semanas. O jovem de 21 anos vem ganhando a confiança do técnico Dorival Júnior e assumiu neste mês a vaga de titular do time, desbancando Paulinho e Serginho. Nas quartas de final, inclusive, o meio-campista anotou os dois gols do Alvinegro na vitória sobre o São Bento.

Durante o Cartão Verde, ele comenta a classificação em cima do Palmeiras, decidida nos pênaltis. A preparação e as dificuldades para os jogos decisivos contra o Audax são outro assunto central desta edição, com destaque para a primeira partida, que acontece já neste domingo (1/5), em Osasco. O camisa 18 também fala do embate contra o Santos do Amapá, compromisso que o time da Vila Belmiro tem pela Copa do Brasil nesta quinta-feira (28/4), antes da final do Paulistão.

O Cartão Verde antecipa esta semana ainda os jogos dos times brasileiros na Libertadores da América que acontecem nesta terça, quarta e quinta, válidos pelas oitavas de final.

Bancada
O Cartão Verde conta com a apresentação de Vladir Lemos e comentários de Celso Unzelte, Roberto Rivellino e Vitor Birner.

Deixe uma resposta