Telinha em Pauta: The Taste Brasil chega ao fim hoje no GNT | Cabine Cultural
Notícias Televisão

Telinha em Pauta: The Taste Brasil chega ao fim hoje no GNT

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

LogoColuna da jornalista Camila Botto sobre tudo que acontece no mundo televisivo

The Taste Brasil termina hoje

Agradar em apenas uma colherada. Esta é a missão dos quatro finalistas do reality culinário The Taste Brasil, que chega ao fim hoje, às 22h30, no canal pago GNT.

Primeiro, o mineiro Thales Peixe e os paulistas Fernanda Luvezuto, Rafael Terrassi e Vitor Oliveira terão que agradar o chef convidado, o francês Laurent Suaudeau.

Com a ajuda dos mentores André Mifano, Felipe Bronze e Claude Troisgros, os finalistas têm que convencer Suaudeau, pois sua escolha coloca dois deles na prova decisiva.

Nesta última etapa, os escolhidos disputam o prêmio de R$ 100 mil. Enquanto Thales, do time de Claude, investe numa comida mais caseira, Vitor, da equipe de Felipe, aposta na culinária molecular.

Rafael e Fernanda, ambos do time de André Mifano, são detalhes e gostam de pratos bem elaborados. “Thales tem uma cozinha caseira, sem muita técnica de vanguarda, mas uma comida que tem alma e é saborosa”, defende Claude.

The Taste Brasil

The Taste Brasil

“A Fernanda não tem tanta experiência como o Rafael, mas por outro lado ela não tem medo de arriscar. E a experiência do Rafael pode servir como fator de pressão para ambos”, acredita Mifano.

Já Felipe Bronze confia em seu candidato. “Os pontos fortes são a técnica apurada e a vontade de vencer. O fraco é escutar pouco. Confio muito nele, desde o começo achava um dos mais fortes de toda a competição. É completo, talentoso e sabe o que quer. Talvez o defeito dele hoje se torne qualidade, vai saber”, diz.

Os três mentores são unânimes em dizer que o nível dos candidatos cresceu muito da primeira temporada do reality, exibida no ano passado, para a atual. “A minha estratégia nesta temporada foi conseguir um time diversificado, com cozinheiros que tivessem técnicas diferentes. Dessa forma consegui ter um cozinheiro mineiro, um técnico de vanguarda, um oriental e um amador apaixonado. Os candidatos deste ano eram muito mais preparados que na temporada passada, todos sabiam o que fazer”, entrega Claude.

Para Mifano, isto serviu para ele ficar mais exigente: “Estou não só mais exigente, mas também com expectativas maiores”. Felipe acredita que cada colher tem a missão de passar sabor de um prato inteiro: “Avalio o gosto, claro. Mas também a ideia, o conceito, harmonia, proporção, estética, tudo”.

O The Taste Brasil chega ao fim, mas os três chefs não param. Aos que os admiram, Felipe já pode ser visto na nova temporada do Que Seja Doce, outro reality em que a disputa é pelo título de melhor confeiteiro. O programa vai ao ar também no GNT, de segunda a sexta-feira, às 19h30.

“Tem um cenário novo lindo, confeiteiros ainda mais incríveis e dessa vez estou mais participativo com eles. Vai ser emocionante”, afirma Felipe. Claude, por sua vez, já está gravando a próxima temporada do Que Marravilha! Chefinhos, que estreia em agosto. “Também estarei na volta do Que Marravilha original ou revanche”, entrega.

Mifano se prepara para inaugurar um restaurante em São Paulo. “E espero estar na terceira temporada do The Taste. Quero, também, gravar um outro projeto para a TV. Quem sabe?”, despista.

Camila BottoFormada em jornalismo com pós-graduação em mídias digitais, Camila Botto é colunista do Cabine Cultural, editora-chefe do Feminino e Além, autora do livro Segredos Confessáveis e sócia da Dendê Cult Press.

Deixe uma resposta