Pokémon Go, teoria da conspiração e privacidade: onde tudo se encaixa? | Cabine Cultural
Notícias

Pokémon Go, teoria da conspiração e privacidade: onde tudo se encaixa?

Pokémon Go

Pokémon Go

“É ingênuo quem pensa que esses apps são os grandes vilões do que queremos esconder. O Facebook já foi citado (comprovadamente) como um dos grandes “ladrões de dados” master desta tecnologia toda”

Por Feminino e Além

Lembro bem de um episódio do Saia Justa, onde Maria Ribeiro falou: “Morro de medo de dar permissões em demasia para os aplicativos que baixo”. Quem nunca? Isso é desde sempre para quem tem observação que baste para isso. Existem zilhões de pessoas que nem ligam, baixam e pronto. A verdade é que toda info para estas grandes empresas detalham todos os seus gostos, horários de uso, quanto tempo você perde utilizando tal app, ou seja, no mundo de marketing “guerreado” de hoje isso é ouro!

Leia também:  Semana dos Famosos: Claudia Ohana nua, Evaristo Costa fora da Globo. E mais

Depois da febre do PG ter chegado por aqui, a grande notícia que anda circulando é a seguinte: “Em paralelo ao sucesso do jogo de realidade aumentada Pokémon GO, recém-chegado ao Brasil, nasceu uma teoria da conspiração de que o aplicativo estaria sendo usado para espionar os jogadores a mando da própria CIA (Agência de Inteligência do governo norte-americano)”. Procede? Será? Depois de assistir Person of Interest não duvido de absolutamente nada! Sinceramente…

Existem diversos textos circulando transformando o jogo em vilão da humanidade. Fora os cuidados que citei em um texto sobre essa febre, vale a consciência de adultos que jogam e o olhar observador dos mesmos em cima das crianças e adolescentes que viajam na maionese quase que em qualquer novidade deste porte… continue lendo




Deixe uma resposta