Cine Belas Artes deste sábado no SBT tem Amanda Seyfried em A Garota da Capa vermelha | Cabine Cultural
Notícias Televisão

Cine Belas Artes deste sábado no SBT tem Amanda Seyfried em A Garota da Capa vermelha

A Garota da Capa Vermelha

A Garota da Capa Vermelha

Filme é baseado no conto popular Chapeuzinho Vermelho; sessão começa às 1 da madrugada no SBT

O Cine Belas Artes deste sábado no SBT está bem interessante e traz uma das atrizes mais belas da nova geração: Amanda Seyfried.

Ela dá vida a bela jovem Valerie, que após ter sua irmã assassinada por uma lendária criatura, se dedica a esse mistério que há gerações amaldiçoa sua aldeia. Ao descobrir que qualquer pessoa poderia ser o “lobo”, Valerie aceita uma capa e os conselhos da avó para continuar sua investigação, antes que seja tarde demais. E assim nasce A Garota da Capa Vermelha.

Leia também:  Trailer: Cine Belas Artes exibe neste sábado Dredd - O Juiz do Apocalipse

O filme começa às 1 da madrugada.

Trama completa
Quando criança Valerie era apaixonada por seu melhor amigo Peter. Depois de muito tempo, ainda no vilarejo de Daggerhorn, ela se vê apaixonada pelo lenhador que ele se transformou. Porém, seus pais a prometeram um casamento com Henry, jovem ferreiro. Peter e Valerie planejam fugir, porém descobrem que a irmã dela foi morta por um lendário lobo que aterroriza a vila há anos. O padre Solomon é então chamado para terminar com a ameaça e comunica então que o lobo é na realidade um dos habitantes do vilarejo. A garota então entra num dilema, pois desconfia que alguém que ela conheça seja a fera.

Leia também:  Larissa Manoela: Cine Espetacular desta terça exibe Carrossel 2: o Sumiço de Maria Joaquina

Recepção da Crítica
O filme tem recepção desfavorável por parte da crítica profissional. Com o Tomatometer de 10% em base de 193 críticas, o Rotten Tomatoes chegou ao consenso: “Amanda Seyfried é magnética no papel de protagonista de Red Riding Hood, mas ela está decepcionado com seus principais homens não inspirados e um roteiro dolorosamente clichê“.




Deixe uma resposta