Crítica: Tela Quente desta segunda exibe De repente pai, filme família que garante boa diversão | Cabine Cultural
Notícias Televisão

Crítica: Tela Quente desta segunda exibe De repente pai, filme família que garante boa diversão

De Repente Pai

De Repente Pai

Filme começa por volta das 23 horas, logo depois de mais um episódio da minissérie Justiça, na rede Globo

De Repente Pai, refilmagem do longa-metragem canadense Meus 533 Filhos (2011), possui uma premissa das mais instigantes, que se destaca ainda mais por se tratar de um caso que realmente aconteceu. E mesmo com algumas falhas observadas em sua execução, ao final do filme fica o sentimento de que a experiência foi agradável, nada que se torne inesquecível, mas também nada que seja digna de execração publica.

E será este o filme que a sessão Tela Quente desta segunda, 12 de setembro, exibirá logo após mais um episódio da minissérie Justiça.

+  Velhinhos aventureiros: Tela Quente desta segunda exibe ação Red 2: aposentados e ainda mais perigosos

Uma boa dica de filme família, com final onde todos saem felizes.

De Repente Pai
O filme conta a história de David Wozniak (Vince Vaughn), que com seus quarenta e poucos anos ainda vive uma vida estritamente adolescente, com pouco espaço para responsabilidades e com imaturidade de sobra. Ele trabalha como motorista do açougue da família, emprego conquistado somente pelo fato de ser filho do dono; na vida pessoal, mantém um relacionamento instável com a namorada (a linda Cobbie Smulders), além de possuir uma dívida com agiotas de 80 mil dólares.

É neste contexto de caos que a história de David toma ares ainda mais espetaculares quando ele é informado que o período em que foi doador assíduo de esperma lhe rendeu ao longo dos anos 533 filhos biológicos, e que destes, mais de uma centena entrou na justiça para ter o direito legal de conhecê-lo.

+  Fim do mistério: Globo exibe nesta sexta o último episódio da série Segredos e Mentiras

Leia a crítica completa do filme De Repente Pai







Deixe uma resposta