Crítica The Voice Brasil: Mylena Jardim venceu e Claudia Leitte convenceu
Notícias Televisão

Crítica The Voice Brasil: Mylena Jardim venceu e Claudia Leitte convenceu

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Claudia Leitte

Claudia Leitte

Final aconteceu nesta quinta-feira, dia 29 de dezembro, e provou que o reality da Rede Globo é o melhor programa musical do país

A quinta temporada do The Voice Brasil teve o seu desfecho nesta quinta, 29 de dezembro. E ao final, com a vitória de Mylena Jardim, de apenas 17 anos, dois fatos ficaram incontestes: primeiro, uma vitória merecida e uma aposta interessante, pois ver uma garota tão jovem vencendo era um fato somente digno das versões americanas, ou européias.

O segundo fato foge da final e analisa a temporada como um todo: o grupo de jurados (técnicos) enfim ‘deu liga’ e construiu uma dinâmica satisfatória. E como a cereja do bolo deste bom grupo de técnicos está a sempre controversa Claudia Leitte. A baiana, que sempre foi a principal personagem do reality, seja para o bem, seja para o mal, é hoje uma peça fundamental para o sucesso do programa.

Claudia Leitte
Ele consegue, até mais que a sua amiga Ivete Sangalo, simbolizar o sonho que o The Voice Brasil representa para os cantores e cantoras que se candidatam ao programa. Ela é, junto com Anitta, o maior símbolo da cultura pop no país, e certamente é a mais ‘antenada’. Seu candidato à final, Danilo Franco, trouxe para o programa justamente isto, o supra-sumo do pop. Bruno Mars, Jason Derulo, Jota Quest, deu para perceber que as suas referências, e as de Claudia, casam perfeitamente com o que o universo pop fornece hoje em dia.

Claudia Leitte, se compararmos com algumas outras popstar que possuem esta mesma função na televisão, só perde para Christina Aguilera, de versão americana, que de certa forma começou este trabalho na franquia The Voice. Mas ela vem fazendo um trabalho muito mais relevante e produtivo que nomes como Shakira, Gwen Stefani, Britney Spears, Jennifer Lopez. Claudia é infinitamente mais produtiva e seus feedbacks são mais úteis para os membros de suas equipes que os desses exemplos dados.

Bonita, rica, famosa, inteligente, comunicativa e aparentemente simpática, a baiana ainda traz como bônus o fato de ser controversa e agregar polêmicas, internas e externas. As últimas notícias, relacionadas ao fato de ter que devolver dinheiro público vindo da Lei Rouanet, desgastam de certa forma a sua imagem, ao menos entre as pessoas ditas ‘normais’, já que seus fãs continuarão amando-a e seus haters continuarão ‘a odiando’.

Mas, mesmo com todos estes elementos, negativos e positivos, ela se tornou peça fundamental para o sucesso do The Voice Brasil, não tenham dúvida disto.

Mylena Jardim

Mylena Jardim

Mylena Jardim
Já Mylena, a história é bem diferente. Aos 17 anos, ela certamente se coloca como uma das vencedoras mais novas dos The Voice pelo mundo. Tivemos tempos atrás uma menina da versão americana que tinha 15 anos, e que por sinal até decolou em sua carreira no country americano (Danielle Bradbery). Fora isto, são bem poucos exemplos. Ou seja, Mylena vai ter uma oportunidade bem rara de ter, logo cedo, oportunidades de ter uma carreira construída e solidificada logo.

Ela tem talento, mas ainda lhe falta o que uma artista precisa para se transformar em uma estrela: originalidade. Num programa de ‘covers’ não dá para mostrar tanto esta faceta, portanto é agora que ela terá que provar que veio realmente para ficar.

Seria maravilhoso se a franquia The Voice no Brasil conseguisse de uma vez por todas lançar uma artista de ponta, pois até então tivemos vitoriosos que chegaram somente na periferia do sucesso. Mylena tem condições de ser a primeira, mas muito trabalho deve ser feito.

Só o futuro dirá se ela foi a decisão acertada para o futuro da música brasileira.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta