Telinha em Pauta: começam as gravações de Os Dias Eram Assim | Cabine Cultural
Notícias Televisão Telinha em Pauta

Telinha em Pauta: começam as gravações de Os Dias Eram Assim

Coluna da jornalista Camila Botto sobre tudo que acontece no mundo televisivo

Os Dias Eram Assim na Globo

O horário que tem dado mais certo na Globo está de volta com Os Dias Eram Assim. Com ele, a platinada elege mais um nome para seu produto: supersérie (para mim vai continuar sendo novela das 23h, ok?).

A história se passa na década de 70, em plena época de Ditadura Militar. É nesse cenário em que Renato (Renato Góes) e Alice (Sophie Charlotte) se conhecem e iniciam uma história de amor que vai atravessar quase duas décadas e cruzar com eventos históricos importantes do país nestes períodos.

Leia também:  Audiência: Tá no ar despenca, filme da Record lidera e A Terra Prometida fica em 2º

Com estreia marcada para abril, a novela de Angela Chaves e Alessandra Poggi, começou a ser gravadano Rio de Janeiro. Parte do elenco, incluindo Renato Góes e Sophie Charlotte, participam dos trabalhos, conduzidos pelo diretor artístico da produção, Carlos Araújo. Foram escolhidas locações em bairros tradicionais da cidade, como Catete e Centro, que preservam parte da arquitetura da época.

Carlos Araújo

Renato (Renato Góes) nos bastidores de uma gravação em Chiloé, no Chile

O médico Renato é o primogênito de uma família de classe média de Copacabana. Filho de um professor universitário e de uma dona de livraria, Vera (Cássia Kiss), ele tem dois irmãos, os estudantes Gustavo (Gabriel Leone) e a Maria (Carla Salle).

Leia também:  Altas Horas deste sábado tem participação especial da futura mamãe Carol Castro

No universo de Alice (Sophie Charlotte), a luta travada é contra o pensamento conservador da família. Questionadora, a estudante sempre bateu de frente com os pais. Dono de uma construtora, Arnaldo (Antonio Calloni) não se conforma com o fato de a mulher, Kiki (Natália do Vale), nunca ter conseguido reprimir a inquietude da filha.

“A história é o pano de fundo dessa trama de amor. Tratamos de encontros e desencontros desse casal que é separado de forma abrupta e, depois, vai se reencontrar quando os dois já não são mais os mesmos”, diz Angela. “Alice e Renato vivem uma história de amor muito forte no primeiro momento, mas, quando são separados, cada um resolve seguir sua vida. A maior parte da história ocorre após o reencontro, no período pré-abertura política, em 1984”, emenda Alessandra.

Leia também:  Telinha em Pauta: Missão AXN, série protagonizada por fãs, estreia no canal

Camila BottoFormada em jornalismo com pós-graduação em mídias digitais, Camila Botto é colunista do Cabine Cultural, editora-chefe do Feminino e Além, assessora do Teatro Castro Alves, autora do livro Segredos Confessáveis e sócia da Dendê Cult Press.

Deixe uma resposta