Crítica Estopô Balaio, de Cristiano Burlan | Cabine Cultural
Cinema Críticas Notícias

Crítica Estopô Balaio, de Cristiano Burlan

Crítica Estopô Balaio, de Cristiano Burlan

Crítica Estopô Balaio, de Cristiano Burlan

Direção por Cristiano Burlan. Roteiro: Ana Carolina Marinho Cristiano Burlan Marcelo Paes Nunes. Coletivo Estopô Balaio: João Júnior, Adrielle Rezende, Ana Carolina Marinho, Ana Maria Marinho, Bruno Fuziwara, Clayton Lima, Edson Lima, Keli Andrade, Juão Nin, Lisa Ferreira, Paulo Oliveira, Ramilla Souza, Wemerson Nunes, Amanda Preisig e Jhonny Salaberg

Por Gabriella Tomasi

Jardim Romano. Leste do estado de São Paulo. É ali que os moradores que vivem às margens do rio Tietê – o rio mais poluído do Brasil – sofrem com as enchentes anuais advindas da água acumulada das chuvas, desastre este que podem perdurar até meses. Apenas pelo flashforward realizado nos primeiros planos demonstrando que o cenário de 2009 para o ano de 2015 não mudou literalmente nada, percebemos que todos cresceram acostumados com a batalha diária de protegerem seus lares e as crianças de serem contaminadas com o lixo como, por exemplo, construindo muros e escadas dentro de suas casas e juntando toda a mobília para também protegerem seus bens.

Habitantes provenientes em sua maioria do Nordeste que migraram para o estado paulistano em busca de melhores oportunidades, o descaso do poder público é tão latente que seus membros acabaram ficando isolados do resto da cidade, sem ter suas reivindicações atendidas, muito embora jornalistas denunciarem o problema constantemente em suas matérias. Unidos pela familiaridade de suas origens, o que fazer nestas situações? Estopô Balaio, de acordo com seu criador: uma expressão nordestina que significa algo que tem que ser exprimido, um desejo de gritar um sentimento entalado na garganta. É então por meio da arte em geral que seus membros contam suas histórias de vida, suas emoções, suas críticas sociais e filosóficas por meio da música, dança, teatro, poesia, etc, tudo feito dentro da estrutura precária de suas condições, mas que revelam verdadeiros… Continua a leitura

UCI OrientCinemas

Deixe uma resposta