Nos cinemas: “Paterson” é um filme absolutamente chato e entediante | Cabine Cultural
Cinema Notícias

Nos cinemas: “Paterson” é um filme absolutamente chato e entediante

Paterson

Paterson

“Filme alternativo, Lado B, whatever… é ruim! Pior ainda quando o “segundo” papel que deveria ter alguma funcionalidade, não teve nenhuma”

Por Feminino e Além

Para quem é fã de “Star Wars” como eu, lembra bem da ótima atuação de Adam Driver como o vilão. Ele fez muito bem o seu trabalho. Também o fez em “Paterson”, mas o filme é absolutamente chato, entediante e querendo ser um grande filme B da telona.

A ideia é MUITO BOA: fazer com que uma pessoa absolutamente normal, consiga viver cotidianamente de bem com a vida (dentro do que pode) e ainda tire poesia disso. Um motorista de ônibus que se recusa até a ter celular ou computador, Paterson faz de detalhes diários, seu mundo. Me repito: a atuação de Driver é muito legal, mas o filme é intensamente devagar. Nunca fui muito fã de Jim Jarsmuch. Só que gostei bastante de “Only Lovers Left Alive” de 2015 e “Broken Flowers” de 2005. Não foram, na minha humilde opinião, filmes inesquecíveis, mas que deixam uma marquinha. Quando vi que Adam Driver ia estrelar essa nova jogada do diretor americano, Jarsmuch, imaginei que seria bem bacana em sua proposta. Ops, uma lástima total!

Leia também:  Crítica Um Homem de Família: um filme bom, ruim ou razoável?

Filme alternativo, Lado B, whatever… é ruim! Pior ainda quando o “segundo” papel que deveria ter alguma funcionalidade, não teve nenhuma: o da esposa, vivido por Golshifteh Farahani que habita o mundo da lua. Oras, me passou uma ideia de futilidade centrada na esposa de um poeta, muito… Continua a leitura




Deixe uma resposta