Crítica The Big Bang Theory: a décima temporada foi boa para Sheldon e cia? | Cabine Cultural
Notícias Séries

Crítica The Big Bang Theory: a décima temporada foi boa para Sheldon e cia?

The Big Bang Theory 10 temporada

The Big Bang Theory 10 temporada

“Com um final lindo, com Sheldon aos pés de Amy a pedindo supostamente em casamento, parece que vamos para mais uma temporada sem muita”

Por NoSet

Big Bang já foi, até sua quarta temporada, uma das melhores séries de humor nerd e ícone de todos os tempos. Uma sucessora de Two and a Half Men, também de Lorre, a série tinha um impacto cultural imenso e agradava todo tipo de fã com um humor até certo ponto sarcástico, negro e que agradava a todas as gerações, mas que como toda série que atravessa uma décadas de programas se deteriorou com o passar dos anos. Hoje, já sem tanta referência a seriados clássicos das décadas de 70 e 80, como Star Wars, Trek, filmes ou mesmo ao mundo das HQs, BBT sobrevive com o amadurecimento de seu elenco em com situações cotidianas que os obrigam a viver o mundo real do jeito que todos nós vivemos, que em certos pontos até são engraçadas, mas sem a referência cultural ou pop que a tornou imperdível como já foi á tempos atrás.

Leia também:  Crítica A Cabana: Deus está ao lado de Stuart Hazeldine

A caríssima série com um dos maiores salários de todos os tempos para um elenco principal, focou agora no relacionamento de Sheldon (Jim Parsons) e Amy (Mayim Bialik), esquecendo quase em sua totalidade dos personagens que também deveriam contar uma história, principalmente Rajest (Kunal Nayyar), que passou totalmente em branco nesta temporada sem nada a acrescentar, ficando até de fora no trabalho militar ou de relações amorosas. Houve algum buchicho que o personagem poderia assumir um lado Gay na série, mas parece que Lorre não curte muito esta abordagem para a série, como foi no caso do Sheldon e ignorou o pedido dos fãs. outra falta foi de personagens famosos no mundo nerd fazendo pontas, como Stan Lee entre outrso, mas custo salto gera isto… Continua a leitura

UCI OrientCinemas



Deixe uma resposta