Crítica: 3ª temporada de Flash foi boa, ruim, ótima ou péssima? | Cabine Cultural
Notícias Séries

Crítica: 3ª temporada de Flash foi boa, ruim, ótima ou péssima?

Grant Gustin (Flash) e Melissa Benoist (Supergirl) dançam no episódio cross over entre as séries

Grant Gustin (Flash) e Melissa Benoist (Supergirl) dançam no episódio cross over entre as séries

“A depressão de Barry Allen com medo da morte de Iris quase me irritou, assim como a atuação da atriz Candice Patton nesta temporada”

Por NoSet

The Flash na sua terceira temporada ainda é uma das melhores séries sobre super heróis que temos na TV, além de ser do Universo DC e CW com Supergirl, Arrow e Legends of Tomorrow, o maior encontro de Super Heróis que já tivemos na TV em séries, além de Supergirl já ter seu próprio Superman e Mon El, mas que ainda não foram incluídos.

Leia também:  Crítica Corra! Um terror psicológico sensacional

Com a premissa do Flashpoint, além de um mega Cross Over com as outras séries em Invasão e um cross musical especial com Supergirl, esta terceira temporada era para ser a melhor de todas e simplesmente ícone, só que não foi. The Flash teve altos e baixos, principalmente por causa de um vilão fraco e sem graça chamado Savatar, o terceiro vilão velocista do The Flash, e que por incrível que pareça, que também correr mais que ele.A revelação de quem era Savatar era quase que clara devido as pequenas migalhas que foram soltas em toda a temporada, como em Invasão, onde o próprio Flash do futuro passa uma mensagem para que todos não confiassem no Flash do presente, algo completamente sem sentido se não for este o caso.

Leia também:  Crítica Fear The Walking Dead: o início da terceira temporada é promissor?

A depressão de Barry Allen com medo da morte de Iris quase me irritou, assim como a atuação da atriz Candice Patton nesta temporada. A introdução de Tom Felton (Harry Potter) como Julian Dorn caiu bem, Danielle Panabaker…Continua a leitura

UCI OrientCinemas



Deixe uma resposta