Crítica "Kingsman – Círculo Dourado": um filmaço | Cabine Cultural
Cinema Críticas Notícias

Crítica “Kingsman – Círculo Dourado”: um filmaço

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Kingsman: O Círculo Dourado

Kingsman: O Círculo Dourado

Fazer uma análise desse filme sem dar o devido crédito à hilária participação de Elton John seria um crime. Ele surge como um refém de Poppy e é imprescindível em um determinado ponto da trama

Por NoSet
Vamos logo partir do seguinte princípio: Kingsman (os filmes) não é algo para ser levado a sério. Não estamos falando de um filme cujo conteúdo seja reflexivo ou filosófico. É, em sua essência, entretenimento e diversão. Apesar disso, os filmes são muito bons e cumprem com seu papel básico: divertir o espectador.

As palavras acima só foram lançadas logo no início do post por causa de algumas críticas negativas que gravitam na internet. Isso, provavelmente, se dá em função do potencial altíssimo do filme para a ação, mas que sempre acaba pendendo para o humor, o que não é em hipótese alguma ruim.

Kingsman – Círculo Dourado é um filme cuja base vem dos quadrinhos. Mark Millar (Kick-ass) é o responsável pela graphic novel que gerou o primeiro filme e serve de base para esse segundo. Caso lembre do tom pesado e cheio de humor negro de Kick-ass, provavelmente já tem uma ideia do que o aguarda nos filmes de Kingsman…


Deixe uma resposta