Conheça DOGTV, o primeiro canal desenvolvido PARA cães
Notícias Pets

Conheça DOGTV, o primeiro canal desenvolvido PARA cães

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

DOGTV

DOGTV

Com programação exclusiva criada a partir de estudos científicos, canal estreou na SKY no dia 17. Sinal chega à NET/Claro em breve e na Vivo TV no início de 2018

O que acha se dissermos que acabou de ser lançado um canal exclusivo para e sobre cães? Sensacional, correto? Pois bem, a Discovery Networks traz para o Brasil DOGTV – primeiro canal dedicado aos cães e desenvolvido especialmente para eles.

DOGTV já está disponível para os assinantes da SKY (desde 17/10) e chega à NET e à Claro em breve. Na Vivo TV a entrada está prevista para o início de 2018. A Discovery distribuirá ainda o canal nos demais países da América Latina. O canal é oferecido à la carte, com contratação avulsa por R$ 19,90 mensais.

A história por trás do canal
O canal foi desenvolvido ao longo de três anos com o objetivo de relaxar e entreter os cachorros que ficam sozinhos em casa, espectadores com necessidades e interesses particulares. A análise de 68 estudos acadêmicos e o trabalho de quatro especialistas em comportamento canino orientaram o desenvolvimento do conteúdo exclusivo do canal, que traz cores, temas e escalas tonais – visuais e sonoras – atraentes para os cães. A sonoridade foi criada a partir de timbres, frequências e volumes agradáveis para os animais, e os elementos visuais respeitam as características fisiológicas próprias da visão canina.

Será que funciona?
Música instrumental, balbucio de bebês, risadas infantis, paisagens naturais e outros cães em momentos de alegria e calma são algumas das sequências e temáticas componentes da programação, que conta com mais de dois mil títulos divididos em três gêneros: relaxamento, estímulo e exposição (situações do dia a dia). O canal conta até mesmo com uma equipe de compositores e instrumentistas, que criam as trilhas sonoras da programação de acordo com os princípios estudados.

Mercado pet no Brasil
Os dados sobre o mercado pet no Brasil ajudam a entender a criação do canal: cerca de 44% dos lares têm um cachorro de estimação; por aqui há mais cães que crianças. O percentual de donos que afirmam que os cães são membros da família supera os 30%, e 29% os consideram as crianças da casa. Isso faz do Brasil o terceiro mercado pet do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e do Reino Unido, movimentando cerca de 20,7 bilhões de reais ao ano (*).

A função da DOGTV é amenizar esse medo e a ansiedade, evitando comportamentos destrutivos. A Universidade Tufts, de Massachusetts, realizou um estudo comparativo entre canais de TV convencionais e a DOGTV, com base nas reações e preferências dos cães. A pesquisa foi conduzida em 38 apartamentos de Los Angeles e Nova York, com cães deixados sozinhos por seis horas e expostos a diferentes programas. Os resultados mostram que os cães assistiram à DOGTV mais do que qualquer outro canal, e que os programas de relaxamento da DOGTV foram eficientes para 70% da amostra.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta