Crítica: Adnight, que estreia nesta quinta, é o nosso Saturday Night Live
Crítica televisão Notícias Televisão

Crítica: “Adnight” é o Saturday Night Live brasileiro

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Adnight

Adnight

Programa começa nove temporada nesta quinta, dia 26 de outubro, e traz uma dinâmica que se diferencia dos talk shows tradicionais

Mesmo com a audiência um tanto baixa para os padrões da Rede Globo, o “Adnight” conseguiu no ano passado a surpreendente renovação para uma segunda temporada. O argumento usado pela cúpula da emissora foi a de que o programa trazia algo de muito novo e que ainda era incompreendido pelo público.

Pois bem, a segunda temporada que começa nesta quinta, dia 26 de outubro, traz os mesmos elementos novos da temporada passada com alguns toques mais tradicionais e uma pitada de algo que provavelmente é a fonte principal de inspiração do Adnight: o programa americano Saturday Night Live.

Tratá-lo com um talk show é um erro, e joga contra o programa de Marcelo Adnet, pois neste grupo temos Lady Night, Programa do Porchat e até mesmo o Programa do Bial como exemplos muito mais consistentes e interessantes. Mas se jogarmos o Adnight para o grupo de programa semanais que tratam de tudo um pouco, mas sobretudo de atualidades e política, ai não teremos concorrentes para a atração da Rede Globo.

O programa de estreia, com Joelma, Renato Góes e Fernanda Gentil foi uma boa mostra disso tudo que falamos. As esquetes com os atores convidados foram a melhor coisa da atração semanal, e é uma reprodução muito bem feita das esquetes do programa americano, um dos mais famosos de toda a história da televisão.

Outro elemento que os dois programas possuem em comum é a vibe política que eles carregam, e aqui no Brasil se deve basicamente ao espirito do apresentador e humorista, que sempre possuiu uma carga política forte, desde sua fase na MTV ao menos. A esquete com os personagens de Michel Temer e Dilma Rousseff foi muito interessante e até surgiu no meio do roteiro um fora Temer sensacional.

O “Adnight” não é, ao menos até agora, um programa imperdível, e muito menos a sétima maravilha da televisão brasileira. Adnet ainda busca consolidar uma identidade para o programa, o ele sabe disso, inclusive a introdução do primeiro programa desta temporada brinca com isso, com ele no deserto buscando a fórmula perfeita para uma atração de sucesso.

Esse é o grande ponto forte do programa: a incrível inteligência de Marcelo Adnet. Com alguém como ele a frente, e uma equipe de roteiristas talentosa, o programa sempre terá potencial para se encontrar e se transformar em algo absolutamente imperdível.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta