Câmera Record: “cesariana oferece mais risco de ficar obeso”
Notícias Televisão

Câmera Record: “quem nasce de cesariana corre mais risco de ficar obeso”

  •  
  •  
  •  
  •  
Câmera Record deste domingo

Câmera Record – Foto de Edu Moraes

Câmera Record deste domingo, dia 5 de novembro, revela os males e perigos da obesidade oculta; programa vai ao ar às 23h45

Um tema muito sério será debatido no Câmera Record deste domingo, dia 5 de novembro. O programa revela resultados de estudos produzidos tanto no país quanto no exterior que decretam o fim da ditadura da balança e apresentam um novo fator para o acúmulo de gordura no organismo: o tipo de parto.

Com esta nova relação surge um tipo de obesidade que até então era invisível: a obesidade oculta. O artigo, que acaba de ser publicado na respeitada revista científica Frontiers In Public Health, sugere que o olhar estético e a preocupação com a silhueta não são os únicos termômetros da obesidade. O que importa, segundo os especialistas, é a quantidade de gordura no organismo.

Leia+  Hora do Faro deste domingo conta história de fã de Leo Santana que deseja ser modelo

Ou seja, até mesmo os magros podem sofrer consequências com este mal.

Quem nasce de cesariana corre mais risco de ficar obeso

A projeção é de que 76% da população mundial esteja com mais gordura do que é considerável saudável. Uma pandemia, na opinião do Dr. Maffetone. O programa mostra qual a melhor forma de descobrir se faz parte dessa estatística ou não, mesmo sendo aparentemente magro.

Um dos resultados mais interessantes, entretanto, relaciona mais diretamente o tipo de parto, pois uma pesquisa da Universidade de São Paulo diz que quem nasce de cesariana tem mais risco de se tornar obeso. A probabilidade é 33% maior na infância e 50% na vida adulta.

Leia+  Domingo Espetacular desta semana conta história de menino que teve espeto cravado na cabeça

Os repórteres explicam como o parto normal ajuda o metabolismo do bebê e acompanham a gestação de uma mãe que será obrigada a recorrer à cesárea. Ela tem 1,76m, 165 kg e, não bastasse a obesidade mórbida, ainda fuma.

No Câmera Record deste domingo, às 23h45

Sobre o autor

Redação

Redação

Matéria produzida pela equipe do site.
Copyright © 2018. Cabine Cultural: arte, cultura, entretenimento; cinema & tv

Deixe uma resposta