Crítica | Novos episódios da 4ª temporada de Vikings estreia na Netflix
Notícias Séries

Crítica | Novos episódios da 4ª temporada de Vikings estreia em dezembro na Netflix

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Vikings

Vikings

Os novos episódios de Vikings, uma das melhores séries da atualidade, estreiam na Netflix no dia 2 de dezembro

A Netflix acaba de confirmar que no dia 2 de dezembro a empresa de streaming vai estrear os novos episódios da 4ª temporada de Vikings, uma das mais comentadas séries da atualidade.

Para comemorar!

Confira as críticas da parte 1 e 2 da quarta temporada de Vikings

Crítica Quarta temporada: Parte 1

Ragnar e os Vikings voltaram a Kattegat depois da batalha em Paris. Enquanto Ragnar se recupera, ele encontra uma novo escrava, Yidu, a quem ele se aproxima. Ele também deve lidar com Floki, que foi preso por Bjorn por causa do assassinato de Athelstan. Bjorn também revela a Ragnar que ele pretende viajar para o deserto para encontrar a si mesmo, enquanto Kalf e Erlendur planejam sua morte.

Enquanto isso, as mulheres têm ambições crescentes, na tentativa de Lagertha e Aslaug retornarem ao poder. Em Paris, Rollo e os Franks se preparam para o eventual retorno de Ragnar e seus guerreiros vikings, e Rollo tenta construir um relacionamento com sua nova esposa, a Princesa Gisla. Em Wessex, os relacionamentos ficam tensos à medida que Ecbert se aproxima de Judith, enquanto seu filho Aethelwulf forma um relacionamento com a rainha Kwenthrith.

Junto com o rei Aelle, uma aliança é formada para retomar o poder de Kwenthrith em Mercia, enquanto o retorno dos Vikings e Ragnar é temido, cujo assentamento foi abatido por Ecbert. O rei Harald Finehair chega em Kattegat com seu irmão Halfdan, ambos ansiosos para atacar Paris com Ragnar. No entanto, Harald tem vontade de se tornar o rei de toda a Noruega, mas para isso ele deve derrubar Ragnar. Mais velho, ferido e sem o desejo de explorar como seus primeiros anos, Ragnar enfrenta inimigos de todos os lados.

Crítica Parte 2

O rei Ragnar retorna a Kattegat muitos anos depois de sua derrota em Paris. Ele pretende voltar para a Inglaterra, para corrigir os erros do passado e vingar a matança do assentamento dos Vikings nas mãos do rei Ecbert e do príncipe Aethelwulf. No entanto, os filhos de Ragnar têm outros planos. Bjorn, agora a força principal do exército de Kattegat, tem planos para alcançar seu sonho de invadir o Mediterrâneo em navios recém-construídos de Floki. Para isso, ele deve navegar através da França, e pretende se reunir com Rollo para ganhar passagem segura.

Hvitserk planeja se juntar a Bjorn, assim como o rei Harald e seu irmão Halfdan, que ainda têm objetivos de longo prazo de derrubar os Lothbroks. Ubbe e Sigurd planejam ficar para proteger sua mãe, a rainha Aslaug, bem como Kattegat, que é desejada por muitos governantes vizinhos, pois é um importante centro de comércio na região. Em Hedeby, Lagertha tem planos para recuperar o que ela acredita que é dela, e pode ter seus olhos fixos em Kattegat, bem como Aslaug.

Na França, Rollo se estabeleceu em sua vida como um nobre franco, mas perde profundamente sua vida e parte de si mesmo que era um Viking. Com muitos dos guerreiros de Kattegat ao lado de Bjorn, Ragnar e seu filho Ivar chegam em Wessex para o acontecimento de eventos que podem mudar o mundo dos Vikings para sempre.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta