Imagens | Sexo, cinema e literatura com Sasha Grey
Notícias Sexo

Imagens | Sexo, cinema e literatura com Sasha Grey, a estrela pornô que virou cult

  •  
  •  
  •  
  •  
Sasha Grey

Sasha Grey

Sasha Grey chegou até mesmo a trabalhar como diretora de cinema; ela faz parte do grupo de atrizes pornôs que tentaram outras profissões   

Sasha Grey é um fenômeno. E motivos não faltam. Ídolo dos consumidores de pornô, ela nunca se resumiu a apenas estrela do mercado de filmes eróticos e logo percebeu que queria ser muito mais que atriz. Assim, o seu universo começou a se expandir e com isso o seu público só cresceu.

O início

Vamos começar falando de sua vida adulta, que é o que nos importa aqui. Foi aos 18 anos, completados 2006 que ela mudou-se para Los Angeles e decidiu iniciar sua carreira na indústria pornográfica. Logo de cara ela se tornou uma das maiores revelações da indústria após seu primeiro filme, Fashionistas 2, de John Stagliano (mais conhecido como “Buttman”), onde contracenou em uma orgia com Rocco Siffredi e outros.

Sasha Grey entrava no mercado erótico com tudo e logo se mostrava alguém diferenciada, ganhando convites para participar de programas de TV, como o The Tyra Banks Show, onde a curiosidade sobre sua pouca idade e sua participação em filmes foi centro de grande debate.

Mesmo com pouquíssimo tempo de carreira no pornô, ela conseguiu um catálogo de filmes bem extenso. Vejam só:

Control # 4
Cum Fart Cocktails # 5
Daddy’s Little Princess # 2
Filth And Fury # 1
Freaky First Timers # 2
Fuck Slaves
Gang Bang # 5
Girl Next Door # 2
House Of Ass # 3
I’m A Big Girl Now # 6
In Thru The Back Door # 1
Jack’s My First Porn # 7
Malice in Lalaland
My Daughter’s Fucking Blackzilla # 9
Rich Little Bitch
Sasha Grey Superslut
Sex Slaves # 2
Sexual Freak # 3
Slut Puppies # 2
Smokin’ Hot
So You Think You Can Squirt
Swallow My Squirt # 4
Teenage Heartbreakers
Tight Teen Twats # 2
Twisted Vision # 4
Nurses
Grand Theaf Anal # 11
Throat: A Cautionary Tale
Babysitters
Deep Throat Love Sasha Grey
Would you rather?

Cinema convencional

Porém, ela queria muito mais que pornô, ela queria tudo. E assim partiu para o cinema tradicional, atuando inicialmente no filme Confissões de Uma Garota de Programa, do cultuado cineasta Steven Soderbergh.

Começou assim a sua carreira pelo universo do showbiz. Ela atuou  no videoclipe Space Bound, de Eminen, e até mesmo virou parte de um videogame. Participou de muitos outros filmes sem conteúdo erótico, e mesmo não tendo feito muito sucesso, ganhou uma legião fiel de fãs, que eram e são basicamente geeks e cults. Sim, nesse momento da vida Sasha Grey tinha virado uma personagem cult.

Literatura

Já longe do mercado pornô, Sasha resolveu migrar para várias outras plataformas e uma delas foi a literatura, mas especificamente a literatura erótica, com o lançamento de seu primeiro livro, o romance “Juliette Society”, que tudo indica, algum dia irá virar um filme de sucesso.

Veja agora imagens de Sasha Grey

Sobre o autor

Redação

Redação

Matéria produzida pela equipe do site.
Copyright © 2018. Cabine Cultural: arte, cultura, entretenimento; cinema & tv

Deixe uma resposta