Biblioteca Estadual será reaberta para o Salão Carioca do Livro
Cultura pop e ETC Notícias

Biblioteca Estadual será reaberta para o Salão Carioca do Livro, que começa nesta quinta

  •  
  •  
  •  
  •  

Salão Carioca do Livro

Salão Carioca do Livro

A expectativa é de receber 100 mil visitantes durante o evento, que acontece de 17 a 20 de maio

A 2ª edição do LER – Salão Carioca do Livro será a responsável pela reabertura da Biblioteca Parque Estadual, na Avenida Presidente Vargas, fechada desde novembro 2016 por falta de recursos financeiros do Governo do Estado. A expectativa é de receber 100 mil visitantes durante o evento, que acontece de 17 a 20 de maio.

“Ter a segunda edição da LER na reabertura da Biblioteca Parque é um privilégio. O evento é totalmente gratuito, estimula a leitura e o conhecimento e democratiza a relação entre leitores e autores. A Secretaria de Cultura e o Governo do Estado estão orgulhosos de poder devolver a Biblioteca para a população, abrindo as portas com esse evento tão grandioso”, afirma Leandro Sampaio Monteiro, secretário de Cultura do Estado do Rio de Janeiro.

O Salão Carioca do Livro apresenta oficinas, saraus, contações de histórias, exposições e bate-papos com autores. “Vejo a LER como uma grande oportunidade para recuperarmos o que tem se perdido ultimamente: o diálogo, a troca de ideias, a inspiração mútua. Em tempos de polarização radical, tentei trazer para as mesas da LER toda uma gama de pontos de vista diferentes, com leitores de todos os perfis e origens. Para que todos possam ver o que temos em comum, mas também possam apreciar e aprender com as diferenças para, quem sabe, construir e criar juntos. Também me orientei pelo lema “O festival do leitor”, dando protagonismo a quem lê, e marcando o evento uma grande celebração”, afirma o curador do evento, Julio Silveira.

Leia+  Eleito melhor filme, A Forma da Água lidera Oscar 2018 com quatro estatuetas

Os espaços da LER

Café do Livro – Um dos destaques da programação, apresentará bate-papos entre autores com perspectivas diferentes sobre criação, história, política e identidade. Entre os nomes confirmados estão: Conceição Evaristo, Eduardo Spohr, Fernanda Young, Thalita Rebouças, Jorge Caldeira, Geovani Martins, André Vianco, Marcia Tiburi, Maria Valéria Rezende, Miriam Leitão, Cristóvão Tezza, Arthur Dapieve e Luiz Antônio Simas.

Palco da Palavra – Serão realizadas apresentações individuais ou entrevistas sobre um tema ou uma obra com a presença de pensadores e criadores. Apresentações, palestras e lançamentos de livros, com nomes como Nei Lopes, Heloísa Buarque de Holanda e Marcelo Janot.

Espaço Cesgranrio – com a curadoria do próprio Centro Cultural Cesgranrio, trará para o público diferentes tipos de intervenções. A apresentadora Glória Maria, por exemplo, conduzirá o debate sobre o protagonismo negro nas artes. Importantes autores da TV, como Duca Rachid, Cláudia Souto e Daniel Berlinsky falarão sobre seus processos criativos. Artistas de renome também confirmaram presença: Andrea Beltrão, Armando Babaioff e Amir Haddad farão uma leitura comentada de obras de Shakespeare. Já Cissa Guimarães, Johnny Massaro, Jônatas Faro e Cláudia Ohana se reunirão para declamar e comentar suas poesias preferidas. Paulo Betti fará palestra sobre a adaptação literária para o cinema e Elisa Lucinda falará sobre Literatura e empoderamento. Ruy Castro, Márcia Tiburi, Ailton Krenak, Martinho da Vila e Conceição Evaristo são alguns entre outros importantes nomes que farão palestras.

Leia+  Déo Garcez, da novela O Outro Lado do Paraíso, faz espetáculo Luiz Gama - Uma Voz Pela Liberdade, no Rio de Janeiro

Espaço Infantil – Com curadoria de Verônica Lessa e Volnei Canônica, apresentará atividades durante todo o evento para o público mirim. “Pensamos em um espaço voltado para a criação e a imaginação, com cerca de 30 autores que representam a diversidade dos gêneros e a criatividade da literatura infantil brasileira”, declara Verônica. Entre as atividades estão: oficina de ilustração, sarau e curtas de animação de livros infantis. O clube de leitura Quindim terá uma livraria temática no local.

Espaço #JOVEM – Terá a presença de Elika Takimoto, Eduardo Marinho, André Dahmer, Octavio Aragão e mais 47 artistas independentes do mundo dos HQ’s. Além de cosplayers, oficinas de caricaturas, storyboards, roteiro, desenho e animação.

A LER vai realizar ainda um sarau na área externa com a presença de artistas da periferia; o Salão do Livro, com livrarias cariocas e editoras independentes; o Salão Digital, assinado pela Amazon, com uma agenda de palestras sobre o mundo digital na literatura; exposição da artista plástica Susi Cantarino; rodas de leituras com a Academia Carioca de Letras; troca-troca de livros e muito mais.

Leia+  Vingadores: Guerra Infinita é a maior estreia da semana nos cinemas

Todas as atividades são gratuitas. Está confirmada ainda a participação de escolas e a campanha “Doe um Livro”, que vai arrecadar exemplares para as instituições de ensino do Estado. “A LER – Salão Carioca do Livro foi criada para elevar a paixão pela leitura em todas as idades e de forma interativa. O evento reúne todos os agentes da cadeia do livro e da economia criativa, além de fortalecer o livro e a leitura, trazendo e trocando conhecimentos durante seus quatro dias de realização”, explica Jerônimo Vargas, diretor do evento.

Sobre o autor

Úrsula Neves

Úrsula Neves

Jornalista carioca, 40 anos, mãe do Heitor de 4 anos. Gerente de Conteúdo do Digitais do Marketing. Coordenadora de Projetos de Conteúdo da Web-Estratégica. Responsável pela Coluna Mãe 2.0 Beta do site Feminino e Além. Adora ler, assistir séries pelo Netflix, ir ao cinema e teatro, navegar pela internet e viajar acordada ou dormindo.

Deixe uma resposta