Domingo Show revela quem é a ex-chacrete que mora em comunidade
Notícias Televisão

“Por que sou branca e loira, não posso morar em comunidade?”, diz ex-chacrete no Domingo Show desta semana

  •  
  •  
  •  
  •  
Domingo Show deste domingo

Domingo Show deste domingo

 

Programa revela quem é a ex-chacrete que mora hoje em uma comunidade do Rio de Janeiro; após anos longe da mídia, dançarina revela que foi assediada por diretor de TV e fala das propostas indecentes que recebeu em sua carreira

Quem viveu os anos 1970 e 1980 certamente tem na memória um dos programas mais famosos da história da televisão brasileira, o Programa do Chacrinha. O Programa, além de ter apresentado ao país um dos apresentadores mais geniais da televisão, criou também as chamadas Chacretes, mulheres maravilhosas que viviam no imaginário masculino naquela época.

Com o fim do programa e a morte de Chacrinha, muita coisa aconteceu e cada um dos personagens do Programa tomou o seu rumo. O Programa Domingo Show desta semana, que vai ao ar neste domingo, dia 20 de maio, vai contar uma dessas histórias.

Leia+  Domingo Show desta semana conta história de musa dos anos 80 que perdeu tudo e vive em pensão

O programa

O Domingo Show vai revelar quem é a ex-chacrete que mora em uma comunidade do Rio de Janeiro. Após anos longe da televisão, como está hoje uma das dançarinas preferidas do Velho Guerreiro?

Atualmente com 53 anos e morando no Vidigal, ela faz fortes revelações à repórter do programa Lorena Coutinho. “Por que sou branca e loira, não posso morar em comunidade? Isso para mim é preconceito”, afirma a artista.

Na entrevista, a ex-chacrete revela que foi assediada por um diretor de TV no passado e conta as propostas indecentes que recebeu no auge de sua carreira.

O Domingo Show é apresentado por Geraldo Luís e vai ao ar a partir das 13h

Leia+  Audiência: eleições, Bolsonaro e Hora do Faro dominam na Record

Sobre o autor

Redação

Redação

Matéria produzida pela equipe do site.
Copyright © 2018. Cabine Cultural: arte, cultura, entretenimento; cinema & tv

Deixe uma resposta