Link Perdido
Notícias Televisão

Escravidão: Canal Livre (8/9) recebe o escritor Laurentino Gomes

Canal Livre
Canal Livre

Canal Livre deste domingo, dia 8 de setembro, recebe o aclamado escritor Laurentino Gomes; na tela da Band às 23h50

Neste domingo, dia 8 de setembro, o Canal Livre recebe o jornalista e escritor Laurentino Gomes. O autor falará sobre seu livro recém lançado “Escravidão: Do primeiro leilão de cativos em Portugal até a morte de Zumbi dos Palmares”, primeiro volume de uma trilogia sobre a relação entre a escravidão e a história do Brasil.

A apresentação é de Rafael Colombo. Completam a bancada os jornalistas Fernando Mitre e Marina Machado.

O Canal Livre vai ao ar aos domingos, às 23h50, na tela da Band.

Laurentino Gomes
Laurentino Gomes (1956) é um escritor e jornalista brasileiro. É o autor do livro “1808 – Como uma rainha louca, um príncipe medroso e uma corte corrupta enganaram Napoleão e mudaram a História de Portugal e do Brasil”. No livro, o escritor faz uma síntese histórica da chegada da corte portuguesa ao Brasil.

Laurentino Gomes (1956) nasceu em Maringá, Paraná, no dia 17 de fevereiro de 1956. Formou-se em Jornalismo na Universidade Federal do Paraná, com pós-graduação em Administração pela Universidade de São Paulo. Trabalhou com repórter e editor no jornal Estado de São Paulo. Foi diretor-superintendente da Editora Abril.

Em setembro de 2007, o jornalista publicou o livro “1808”, que relata a fuga da família real portuguesa para o Brasil, um verdadeiro manual de viagem por todos os acontecimentos que envolvem esse episódio da história nacional. A obra recebeu o Prêmio Jabuti de Literatura e foi eleito o Melhor Ensaio de 2008, pela Academia Brasileira de Letras.

Leia também

Sexo, moda, comportamento, no Feminino e Além
Guia de filmes para passar no ENEM e em vestibulares
Lista de filmes que falam sobre Ética e moral
Os 10 filmes românticos mais assistidos no Brasil
10 livros incríveis para o homem moderno
Programação de cinema da Rede UCI Orient

Em 2010, Laurentino publicou seu segundo livro: “1822 – Como um homem sábio, uma princesa triste e um escocês louco por dinheiro ajudaram D. Pedro a criar o Brasil – um país que tinha tudo para dar errado”. O assunto, como deixa claro no título do livro, é a independência do país. O livro foi eleito o “Livro do Ano” na categoria de Não Ficção da 53º Edição do Prêmio Jabuti de Literatura.

Laurentino Gomes foi eleito pela revista Época como uma das 100 pessoas mais influentes no ano de 2008. Seu mérito foi o de conseguir destaque em assuntos históricos, além de ter seus livros sempre na lista dos best-sellers.

Em 2013, publicou o livro “1889 – Como um imperador cansado, um marechal vaidoso e um professor injustiçado contribuíram para o fim da Monarquia e a Proclamação da República do Brasil”. O livro é o terceiro e último volume da série, fechando a trilogia.

Laurentino Gomes é membro titular do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo e da Academia Paranaense de Letras. Em maio de 2015, o escritor anunciou que está trabalhando em uma nova trilogia sobre a escravidão no Brasil, com previsão para lançamento em 2019.

Marcadores

1 comentário

Clique aqui e comente

Deixe uma resposta

  • O tema é escravidão.
    Deveriam ter trazido para a conversa o Afrodescendente com
    embasamento histórico no mesmo nível. A questão é “tirar a voz a quem pertence “.

Assista ao trailer

A Grande Mentira (The Good Liar)

Assista ao trailer

Ford vs Ferrari

Assista ao trailer

Dora e a Cidade Perdida

Assista ao trailer

Estaremos Sempre Juntos

Assista ao trailer

Doutor Sono

Assista ao trailer

O Exterminador do Futuro: Destino Sombrio