Notícias Televisão

Câmera Record (19/1) mostra máfia do roubo de cães de raça no Brasil

Câmera Record deste domingo
Câmera Record deste domingo – Foto de Edu Moraes

Câmera Record revela esquema de organização criminosa em roubo de cães de raça no Brasil

O Câmera Record deste domingo, 19 de janeiro, mostra a operação contra o roubo milionário de cães no Rio Grande do Sul.

Com coletes à prova de bala, policiais armados de pistolas e submetralhadoras vão às ruas da Grande Porto Alegre na tentativa de recuperar 60 joias de quatro patas que valem uma verdadeira fortuna: R$ 1 milhão.

Leia também

Sexo, moda, comportamento, no Feminino e Além
Guia de filmes para passar no ENEM e em vestibulares
Lista de filmes que falam sobre Ética e moral
Os 10 filmes românticos mais assistidos no Brasil
10 livros incríveis para o homem moderno
Programação de cinema da Rede UCI Orient

Segundo a investigação, que a reportagem teve acesso com exclusividade, três criminosos ligados a um grupo − que atua dentro e fora dos presídios do Sul do país − invadiram o sítio de um criador e levaram os cães da raça spitz alemão, também conhecido como lulu da Pomerânia. “Em 17 anos na Polícia Civil, eu nunca vi um roubo assim”, garante o delegado Rodrigo Caldas.

Venda clandestina

A equipe também flagrou a venda clandestina de cachorros de raça em São Paulo. Os bichos ficam expostos ao calor e são vendidos bem abaixo do valor de mercado.

Segundo o promotor Carlos Henrique Prestes Camargo, do Grupo Especial de Combate aos Crimes Ambientais, a situação dos cães, na feira irregular, preocupa muito as autoridades.

“No sol, presos em gaiolas o dia inteiro, isso aí caracteriza maus-tratos contra animais, que é um crime previsto no artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais”, afirma o promotor.

E ainda: o drama de quem teve o pet levado por criminosos. “Eu não vou perder as esperanças, eu não vou parar de procurar por ele”, desabafa Neide, que há um mês foi vítima deste golpe.

O Câmera Record, apresentado por Marcos Hummel, vai ao ar domingo, às 23h15.

1 comentário

Clique aqui e comente

Deixe uma resposta

  • Deixei minha filha de 4 patas com uma cuidadora para viajarmos para Maceió por 5 dias . A mesma alega que a yorkshire desapareceu no mesmo dia, porém não nos avisou. Só descobrimos pq ela ficou de mandar foto e vídeos e não enviava. Foi qdo no terceiro dia meu marido ligou para tentar saber e também ver a nossa Duda pelo vídeo e ficou sabendo. Passou mal no Hotel Meridiano em Maceió pois tem 71 anos e é cardíaco com stent. Foi atendido pela emergência do hotel mas não podíamos voltar pois a pressão estava alta . A cuidadora disse q o vizinho tinha câmera mas justamente no horário não gravou . A nossa filha sumiu 5 minutos depois de ter deixado ela rsrs. Começamos de lá do Hotel mesmo uma campanha na rede social. A cuidadora não nos procurou qdo voltamos de viagem. Quando estávamos já em quase 80 mil compartilhamentos, aí ela se identificou no face . A cidade revoltada tem ido na página dela e tem escrito muitas coisas. Isso ocorreu dia 15 de Setembro e até hj não encontramos nossa filha . Meu marido entrou em depressão profunda. Uma tarde passou mal , chamei a Help Móvel móvel, foi feito eletrocardiograma e acharam melhor remover para a Emergência do Hospital da Unimed de Limeira SP. Depois disso como não comia, chorava compulsivamente (idoso) minha filha que mora no Chile resolveu nos trazer para cá pois se continuasse lá poderia enfartar . Tenho TUDOOOOO documentado . PEÇO QUE OLHEM NA PÁGINA DA NOSSA PEQUENA DUDA E IRÃO VER VÍDEOS DAS PESSOAS REVOLTADAS NA BUSCA DELA . Meu face é Cristina Maranhão Fraga e a página da Duda no face é YORKSHIRE TERRIER LIMEIRA. Lá vocês encontrarão tudo. Peço que se possível uma reportagem pois já ULTRAPASSAMOS 160 mil compartilhamentos e nada . Muito cachorro roubado , desaparecido na cidade e creio que há uma quadrilha que tem que ser desmantelada . PEÇO AJUDA DE VCS. Muito obrigada

%d blogueiros gostam disto: