Notícias Televisão

Lana Del Rey e Ariana Grande: saiba tudo sobre o Grammy deste domingo

Lana Del rey
Lana Del Rey

Neste domingo, dia 26 de janeiro, tem Grammy Awards com transmissão exclusiva do canal fechado TNT

Neste domingo, dia 26 de janeiro, a partir das 21h, a TNT exibe ao vivo e com exclusividade, a 62ª edição do Grammy Awards®, prêmio que reconhece as melhores gravações, composições e artistas do ano, direto do Staples Center, em Los Angeles.

Esse ano, o canal traz uma dupla feminina de apresentadoras: Dane Taranha e Sarah Oliveira mostram e comentam todos os premiados e apresentações musicais da noite, enquanto Fernanda Soares e Phelipe Cruz apresentam todo o glamour do tapete vermelho. A tradução será de Regina P. McCarthy e Robert Greathouse.

A cobertura digital da TNT acontece simultaneamente nas redes oficiais do canal no YouTube e no Twitter (@TNTBrasil) desde o tapete vermelho, a partir das 21h, com apresentação de Didi Effe. A live terá a presença de artistas e influenciadores, entre eles Karol Conka, Matheus Mazzafera, Marimoon, Day, Mc Tha, Anderson Vieira e Urias. Quem quiser acompanhar e interagir com o time de talentos, basta usar a hashtag oficial da cobertura #GrammysTNT

Leia também

Sexo, moda, comportamento, no Feminino e Além
Guia de filmes para passar no ENEM e em vestibulares
Lista de filmes que falam sobre Ética e moral
Os 10 filmes românticos mais assistidos no Brasil
10 livros incríveis para o homem moderno
Programação de cinema da Rede UCI Orient

Curiosidades

Álbum do ano: A categoria tem sete indicados, sendo duas bandas (Vampire Weekend e Bon Iver), um homem (Lil Nas X) e quatro mulheres (Lana Del Rey, Ariana Grande, H.E.R e Lizzo).

O álbum I, I, de Bon Iver, é o quarto álbum de estúdio da banda indie-folk, liderada por Justin Vernon, que traz os singles “Hey, Ma”, indicado ao prêmio de Gravação do Ano, e “U (Man Like)”. A banda já ganhou dois Grammys em 2012: Melhor Artista Revelação e Melhor Álbum de Música Alternativa.

Norman F***ing Rockwell!, de Lana Del Rey, é o sexto da artista e foi produzido pelo famoso Jack Antonoff (produtor de Taylor Swift). A capa mostra uma foto de Lana Del Rey e Duke Nicholson (neto do ator Jack Nicholson) posando em um iate.

O famoso e já consagrado Thank U, Next, de Ariana Grande, conta com parcerias com Tommy Brown, Max Martin, Ilya Salmanzadeh e Andrew “Pop”

Wansel. O álbum quebrou o recorde de maior streaming de um álbum pop e conseguiu estrear com 360 mil unidades equivalentes na lista da Billboard 200.

Gravação do Ano: Nesta categoria concorrem artistas de sucesso, como Post Malone, Ariana Grande e Billie Eilish. Entre as gravações indicadas estão “Sunflower”, “Old Town Road”, “7 Rings” e “Bad Guy”.

“Sunflower” é uma música interpretada pelos rappers Post Malone e Swae Lee, também indicada este ano a Melhor Performance Pop de um Dueto ou Grupo. Heroica e emocional, ela faz parte da trilha sonora do filme Homem-Aranha: No Aranhaverso. O sucesso foi tão grande que superou “Cant’t Stop The Feeling”, faixa de Justin Timberlake para o longa Trolls.

“Old Town Road” dispensa apresentações, sendo indicada ao Grammy de Gravação do Ano, Melhor Performance Pop de Dueto ou Grupo e Melhor Videoclipe. O remix de Lil Nas X com Billy Ray Cyrus quebrou o recorde da Billboard Hot 100 e até liderou o ranking por 19 semanas, ultrapassando a antiga música recordista, Despacito.

Música do Ano: Para a categoria Música do Ano, Lady Gaga está cotada para ganhar mais um prêmio. Além dela, nomes como Tanya Tucker e Taylor Swift concorrem ao Grammy.

“Always Remember Us This Way” foi tocada por Lady Gaga no filme A Star Is Born, sendo o segundo single da trilha sonora. Pelo seu trabalho no longa, a cantora ganhou dois Grammys no ano passado, Melhor Interpretação de Dueto ou Grupo e Melhor Música Escrita.

“Bring My Flowers Now” está indicada a três Grammys este ano: Música do Ano, Melhor Interpretação Country Solo e Melhor Música Country. Tanya Tucker compôs esta balada country com Brandi Carlile e os irmãos Hanseroth, durante a gravação do seu 25º álbum de estúdio While I´m Livin, indicado ao Grammy como Melhor Álbum Country.

A música “Lover”, de Taylor Swift, faz parte do seu sétimo álbum de mesmo nome, produzido por Swift com o supertalentoso Jack Antonoff. A música é um country, indie folk e pop que fala sobre devoção. Taylor, assim como Adele, é a única artista feminina que ganhou o Grammy duas vezes pela categoria Álbum do Ano.

Melhor Artista Revelação: Na categoria Melhor Artista Revelação, nomes como Rosalía e Billie Eilish se destacam, mas ainda há chances de torcer por Black Pumas, Lil Nas X, Lizzo, Maggie Rogers, Tank And The Bangas e Yola.

Billie Eilish é indicada ao Grammy nas quatro categorias principais e, aos 17 anos, se tornou a artista mais jovem a realizar o feito. Ela já é vencedora do American Music Awards de 2019, na categoria Melhor Artista Revelação.

Rosalía mistura flamenco tradicional com estilos mais atuais, como o pop, trap, hip hop, música eletrônica e experimental. Ela já colaborou com diversos artistas de sucesso, sendo a primeira artista latina com um álbum indicado ao Grammy em espanhol para Melhor Artista Revelação.

Yola gravou vozes de apoio para álbuns de artistas como Massive Attack, The Chemical Brothers e Iggy Azalea, mas ao se tornar a voz principal da banda Phantom Limb, alcançou o sucesso. Para o Grammy 2020, ela recebeu quatro indicações.

Melhor Performance Pop Solo: Nesta categoria concorrem apenas cinco fortes mulheres: Beyoncé, Billie Eilish, Ariana Grande, Lizzo e Taylor Swift.

“Spirit”, interpretada por Beyoncé, foi composta para a trilha sonora de O Rei Leão e conta com as vozes do coro gospel Swahili. A música acompanha a jornada do protagonista, que volta para o seu lar e precisa reclamar o trono que lhe pertence. A crítica aplaudiu o alcance vocal completo de Beyoncé e o aporte dos cantos africanos.

“Truth Hurts”, de Lizzo, foi editada em 2017, mas recentemente ganhou reconhecimento através do app TikTok, sendo incluída na edição Deluxe do álbum Cuz I Love You. O vídeo de “Truth Hurts” tem mais de 150 milhões de visualizações no YouTube, mostra a Lizzo deixando seu noivo plantado no altar e casando-se consigo mesma, acompanhada por uma grande festa.

Melhor Álbum Pop Vocal: A categoria tem cinco indicados de peso. Além dos álbuns de Billie Eilish, Ariana Grande, Ed Sheeran e Taylor Swift, concorre o projeto de Beyoncé para o remake de “O Rei Leão”.

No. 6 Collaborations Project é o quarto álbum do cantor e compositor inglês Ed Sheeran, uma continuação de seu EP No. 5 Collaborations Project. Além de ter debutado no topo da US Billboard 200 e nas parados do Reino Unido, no disco participam nomes como Justin Bieber, Camila Cabello e Cardi B.

The Lion King: The Gift, projeto de Beyoncé, é nas palavras dela “o cinema sonoro, uma nova maneira de contar histórias”. Entre as faixas que o representam, “Spirit” se destacou, recebendo duas indicações ao Grammy 2020.

Melhor Clipe Musical: Para a categoria Melhor Clipe Musical concorrem grandes sucessos de público. Entre os indicados estão Old Town Road, This Land e Glad He’s Gone.

O clipe de Old Town Road, música interpretada por dupla Lil Nas X e Billy Ray Cyrus, é uma obra prima do gênero western, cheio de estrelas e cenas de ação. Dirigido por Calmatic, o vídeo alcançou cerca de 391 milhões de visualizações, enquanto entrava simultaneamente nas listas Billboard Hot 100, Hot Country Songs e Hot R&B/Hip-Hop Song, em março de 2019.

This Land, de Gary Clarck Jr., foi um sucesso com mais de 3 milhões de visualizações. A canção e o vídeo de “This Land” retratam o racismo da sociedade norte-americana, e a reação do cantor frente ao governo do presidente Donald Trump.

Glad He’s Gone, single musical de Tove Lo, incorpora influências do grunge ao pop. O clipe, dirigido por Vania Heymann e Gal Muggia, foi rodado na capital da Ucrânia e atingiu a marca de quase 9 milhões de visualizações. Sobre o projeto, a cantora até declarou “Acho que é o melhor vídeo que fiz”.

A 62ª edição do Grammy Awards® acontece no dia 26 de janeiro, a partir das 21h, na TNT e com transmissão simultânea no TNT GO. A tradução será de Regina P. McCarthy e Robert Greathouse.

Adicionar comentário

Clique aqui e comente

Deixe uma resposta