Comportamento Generalidades Notícias

5 dicas para turbinar seu canal YouTube

Youtube
Youtube

O YouTube é a plataforma de vídeos mais popular do mundo todo, sendo que a cada dia são criados milhares de novos canais e as pessoas assistem a bilhões de minutos de conteúdo. Com tudo isso, turbinar o seu canal do YouTube passa a ser importante  para que os resultados sejam ainda maiores.

Muitas vezes existe um público para consumir o seu conteúdo, mas ele não chega a eles da melhor maneira possível. Por isso é preciso investir em algumas alterações na forma como o material é replicado e passado para eles. Veja agora 5 dicas para turbinar seu canal e se dar bem.

1 – Uma introdução com a cara do canal

Essa dica é uma das principais para turbinar o seu canal do YouTube. Pode reparar, os grandes canais possuem geralmente uma abertura, que é relacionada com o modo de atuação do canal junto a plataforma. A partir disso, quem não possui uma introdução para Youtube pode acabar ficando atrás da concorrência.

A introdução do vídeo mostra qual é a sua personalidade e a do seu canal. Quem está pensando em turbinar o seu canal do YouTube precisa fazer isso. Mas, diferente do que muita gente pode imaginar, hoje em dia não é mais preciso dominar um potente programa de edições de vídeo para criar uma dessas, já que existem ferramentas na internet para fazer isso.

2 – Use a miniatura a seu favor

A miniatura YouTube é algo que deve ser utilizado a seu favor. Tecnicamente, elas são as thumbnails, aquelas imagens que aparecem antes que o vídeo seja carregado. Aliás, para quem não sabe ela é responsável por 60% dos cliques no seu vídeo, por isso devem ser escolhidas de forma correta, além de serem chamativas.

Dependendo do seu canal, é possível que você prefira utilizar a mesma em todos os vídeos, mas essa não é uma boa estratégia. A miniatura serve para destacar um ponto importante, sendo que muitos canais utilizam de maneira sensacionalista  para atrair cliques.

3 – Invista no cenário

O YouTube foi muito prejudicado nos últimos anos com novas políticas de direitos autorais. Hoje em dia praticamente não é mais permitido pegar imagens de terceiros e utilizar no seu canal pois quem faz isso acaba perdendo a monetização, e em alguns casos, tem o vídeo excluído da plataforma.

A partir disso, os youtubers começaram a utilizar novas técnicas para manter suas atividades. Uma delas é fazer vídeo onde aparecem conversando com o público, na maior parte do tempo. Dessa maneira, uma das principais dicas é investir em um bom cenário.

Aliás, junto com o bom cenário, a iluminação aparece como uma das principais alternativas para quem pensa nisso. Porque ninguém gosta de assistir a vídeos escuros ou claros demais, então pense nisso e melhore as suas produções.

4 – Faça conteúdo para o público

Lembre-se, é importante que o conteúdo do seu canal seja feito de acordo com o seu público-alvo. Por isso, é interessante lançar algumas enquetes sobre o que eles acham de suas produções, ajudando a aumentar a sua influência entre quem consome o seu conteúdo.

Não adianta produzir vídeos se ninguém está assistindo, dessa maneira é importante apostar em novas áreas, pesquisando a fundo sobre elas, para que os resultados do material produzido sejam os melhores possíveis.

5 – Tenha um bom mídia kit

O mídia kit ou media kit é um documento utilizado para mostrar os resultados que a sua plataforma vem alcançando junto ao público, com o objetivo de conquistar novos parceiros e anunciantes que vão ajudar o seu trabalho a se desenvolver. Assim, serve basicamente para mostrar como é o seu serviço e como pode atrair parceiros.

O kit de imprensa eletrônico (EPK) aparece como uma boa alternativa digital para a divulgação dos seus serviços e produtos. Para quem não sabe, o Adobe Spark é uma ferramenta gratuita onde esse material pode ser desenvolvido rapidamente. Entre os principais dados que devem ser apresentados, destaque para seu público-alvo e a forma como o conteúdo é apresentado.

Artigo produzido por Adobe Spark

Marcadores

Adicionar comentário

Clique aqui e comente

Deixe uma resposta

Passe no ENEM vendo filmes

Guia de Filmes