Cinema Lista de filmes Notícias

Lista: 5 documentários imperdíveis sobre saúde mental

Epidemia de cores
Epidemia de cores

Durante a pandemia, a saúde mental é outra grande preocupação geral. O isolamento e o medo da Covid-19 podem causar alguns transtornos, como depressão e ansiedade. Porém, esse assunto já não é mais um tabu: segundo relatórios do site Guia de Bem Estar, as pesquisas sobre o tema também cresceram durante essa crise. Muitos filmes e documentários tratam bem essa questão, ajudando a popularizar o assunto. Veja uma lista de alguns deles:

Estamira

Este filme, dirigido por Marcos Prado, acompanha a vida de Estamira Gomes de Sousa, trabalhadora de um aterro sanitário no Rio de Janeiro. Os distúrbios mentais vividos pela protagonista trazem uma grande reflexão sobre a história da loucura, passando pela exclusão social e pelo viés psicanalista. O documentário ganhou dezenas de prêmios, entre eles o Grande Prêmio do Festival Internacional do Documentário de Marseille.

Saúde Mental e Dignidade Humana

Muito relacionado ao filme anterior, mas com uma abordagem mais historiográfica, este filme produzido pelo Centro de Memória da Ordem dos Advogados do Brasil realiza um resgate da história do tratamento dado a doentes mentais pelo judiciário brasileiro. A mistura de legislação com saúde mental proporciona uma abordagem única para o filme.

Not Alone

Not Alone conta com diversas entrevistas com adolescentes que sofrem algum transtorno de saúde mental. Além de abordar as consequências, o filme mostra sensivelmente as causas dos problemas, como casos de bullying e violência. O documentário também fala de psicoterapia, tudo isso com uma clara mensagem: de que os adolescentes não estão sozinhos e podem buscar ajuda.

Epidemia de cores

O documentário é ambientado no Hospital Psiquiátrico São Pedro, em Porto Alegre, e trata de um projeto chamado Oficina de Criatividade, que utiliza a arte como elemento principal da terapia no tratamento de distúrbios mentais. Os trabalhos com arteterapia foram inspirados pela médica alagoana Nise de Silveira, que é tema de outros filmes (“Nise – O coração da loucura” e “Olhar de Nise”), e fornece uma abordagem muito mais humanizada aos tratamentos psiquiátricos, contraponto métodos ultrapassados e violentos. Ou seja, nesse filme é possível ver os resultados de uma grande luta por tratamento digno aos pacientes de hospitais psiquiátricos.

Eu+1: uma jornada de saúde mental na Amazônia

Eu+1 traz o tema através do ponto de vista dos profissionais da saúde, acompanhando a rotina de uma equipe de atenção à saúde mental na Amazônia, formada para escutar e acolher a população ribeirinha atingida pela hidrelétrica de Belo Monte. O filme mostra a construção da Clínica de Cuidado na região, acompanhando moradores expulsos de suas casas e a experiência única de cada um dos voluntários do projeto. Merece um lugar nessa lista por emocionar e chamar a atenção para grandes problemas, mesmo com um orçamento de produção muito limitado.

Adicionar comentário

Clique aqui e comente

Deixe uma resposta

Passe no ENEM vendo filmes

Guia de Filmes