Esporte Notícias Televisão

Globo e SporTV transmitem GP da Hungria de Fórmula 1 (19/7)

Formula 1
Formula 1

Fórmula 1 tem a sua terceira etapa do ano na Hungria e promete muitas emoções neste domingo, dia 19 de julho, a partir das 10 horas da manhã  

A Fórmula voltou com tudo a grade da Rede Globo. Com poucos eventos esportivos disponíveis por conta da Pandemia, a emissora resolveu dar um destaque ainda maior ao seu principal acordo automobilístico.

GP da Hungria

Hungaroring recebe pela 35ª temporada seguida a principal categoria do automobilismo mundial. O GP da Hungria acontece neste domingo, dia 19, com transmissão da TV Globo e do Globoesporte.com, a partir das 10h10, logo após a primeira parte do ‘Esporte Espetacular’. Uma etapa marcada ao longo dos anos por disputas intensas, poucas retas, muito calor e por ultrapassagens históricas. Os primeiros treinos livres aconteceram no início da manhã da última sexta, dia 17, com a cobertura completa do SporTV.

Leia também

A ética no cinema: lista de filmes que abordam questões éticas e morais
A ética na televisão: lista de séries que abordam questões éticas e morais
E-book – Guia completo de filmes para passar no ENEM e em vestibulares
Os 10 filmes românticos mais assistidos no Brasil
Sexo, moda e comportamento no Feminino e Além

A relação do automobilismo brasileiro com o circuito de Hungaroring atravessa décadas. A história começou a ser contada logo na primeira edição do GP da Hungria, em 1986. Uma ultrapassagem antológica de Nelson Piquet sobre Ayrton Senna, até hoje considerada uma das mais fantásticas da categoria. Nas primeiras sete edições desta corrida, os dois pilotos venceram cinco. A outra vitória nacional no autódromo localizado a 19 quilômetros da capital Budapeste foi de Rubens Barrichello, em 2002. Oito anos mais tarde, o mesmo Rubinho escreveu mais uma capítulo formidável. A bordo de uma Williams, foi para cima de Michael Schumacher, então na Mercedes, e ficou a centímetros de bater no muro. Uma ultrapassagem linda e simbólica, por acontecer sobre o companheiro dele na Ferrari por seis temporadas.

 “Realmente são ultrapassagens que entraram para a história, principalmente a do Piquet sobre o Senna. Não é um circuito com muitos pontos de ultrapassagem, mas o Piquet fez valer a diferença de pneus que os dois tinham naquele momento. O talento dele permitiu isso e o carro da Williams era melhor do que o da Lotus, mas ele havia parado nos boxes poucas voltas antes e o Senna estava há mais tempo na pista. Isso foi fundamental. É uma ultrapassagem linda e histórica”, relembra o comentarista Luciano Burti.

Luciano Burti junta-se à equipe de transmissão e participa por vídeo da definição do grid. No domingo, ele estará no estúdio com Cleber Machado e Felipe Giaffone para trazer todos os detalhes da terceira prova da temporada 2020, na TV Globo.

“Eu corri lá em 2001 e diria que Hungaroring é o circuito de Mônaco com área de escape. A sensação é de uma pista de rua, de tão travado que é o traçado. Geralmente é muito quente. Até o ano passado, essa corrida acontecia em agosto. Pelas mudanças no calendário, adiantaram um pouco. Lembro que fisicamente é uma das pistas mais difíceis da temporada. Por conta das poucas retas, o desgaste dos pilotos é maior. Pelo tipo de pista, a Mercedes é a favorita mais uma vez. O carro é bom em tudo, mas principalmente em curvas de baixa velocidade. Não são imbatíveis, mas se existe alguém que pode entrar nessa briga é o Verstappen, que também tem um carro muito bom em circuitos com essas características. Como a pista e o asfalto são bem diferentes da Áustria, existe uma chance para a RBR”, analisa Burti.

19/7 – Domingo

10h10 (de Brasília) – Globo e Globoesporte.com

Narração: Cleber Machado

Comentários: Luciano Burti e Felipe Giaffone

Reportagens: Mariana Becker

Adicionar comentário

Clique aqui e comente

Deixe uma resposta