Notícias Televisão

Profissão Repórter relata drama de pessoas que aguardam por transplantes

Profissão Repórter
Profissão Repórter

Profissão Repórter desta terça, dia 7 de setembro, conta história de pessoas que se viram desesperadas na fila por transplantes em plena pandemia

A pandemia de covid-19 deixou ainda mais longa a espera de pessoas que aguardam por transplantes e colocou na fila por um pulmão pacientes afetados pelo coronavírus.

O programa ‘Profissão Repórter’ desta terça-feira, dia 7 de setembro, vai acompanhar a história de brasileiros que travam uma batalha diária pela sobrevivência aguardando uma resposta positiva dos hospitais.

Contando história de pacientes

Caco Barcellos conhece a história de dois pacientes que foram infectados pela doença e tiveram que passar por um transplante de pulmão. Também no programa desta semana, a equipe do ‘Profissão Repórter’ conta a história de Lorena dos Santos, uma criança de apenas cinco anos que, há dois, aguarda um coração.

Bárbara, a mãe de Lorena, soube do diagnóstico da filha ainda na gravidez, durante o ultrassom para descobrir o sexo do bebê. Lorena nasceu com uma doença cardíaca grave, que enfraquece os músculos do coração, prejudicando a respiração e o crescimento. Sua rotina é bem diferente da de outras crianças e inclui consultas frequentes com cardiologistas, pediatras, endocrinologistas e geneticistas.

 Como tem dificuldade para engolir comprimidos, toda manhã, a mãe precisa diluir as medicações. Apesar das dificuldades, Lorena não perde o bom humor e a esperança de ganhar um novo coração.

O ‘Profissão Repórter’ vai ao ar nesta terça-feira, dia 7, logo após ‘Verdades Secretas’.

 

Leia também

A ética no cinema: lista de filmes que abordam questões éticas e morais
A ética na televisão: lista de séries que abordam questões éticas e morais
E-book – Guia completo de filmes para passar no ENEM e em vestibulares
Os 10 filmes românticos mais assistidos no Brasil

 

Curta nossas redes sociais

Facebook
Instagram
Twitter
Youtube

Adicionar comentário

Clique aqui e comente

Deixe uma resposta